Butantan libera 900 mil vacinas para que Ministério da Saúde distribua aos estados

As vacinas já estavam sendo encaminhadas para o Ministério na tarde desta sexta (22)

distribuição
Legenda: Distribuição do segundo lote de vacinas do Instituto Butantan começou logo após autorização da Anvisa
Foto: Divulgação/Governo de SP

Logo após a reunião da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que decidiu pela autorização do uso emergencial de mais 4,8 milhões de doses da CoronaVac, nesta sexta-feira (22), o Instituto Butantan liberou mais 900 mil doses do imunizante para o Ministério da Saúde. O objetivo é que a pasta federal distribua as doses aos estados.

As vacinas já estavam sendo encaminhadas para o Ministério na tarde desta sexta (22), na sequência da deliberação da agência. O governador do Ceará, Camilo Santana, já divulgou que imunizantes devem chegar ao Estado "nos próximos dias".

Das 900 mil doses, 200 mil foram levadas ao Centro de Distribuição e Logística da Secretaria da Saúde de São Paulo. Outras 700 mil seriam encaminhadas para a central de distribuição do Ministério da Saúde, em Guarulhos.

Um primeiro lote com 6 milhões de doses da CoronaVac, importado da China, já havia sido liberado no domingo (17) para aplicação emergencial e distribuído pelo Ministério da Saúde. O imunizante está sendo aplicado em grupos prioritários no País.

Legenda: Material foi finalizado e envasado a partir de matéria-prima enviada pela Sinovac.
Foto: Ozan Kose/AFP

O lote de 4,8 milhões de doses foi finalizado e envasado pelo Butantan a partir de matéria-prima enviada pela Sinovac.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil