PSDB deve indicar Tasso Jereissati como vice de Simone Tebet nesta quinta

Reunião em Brasília nesta quarta formalizou o acordo com o MDB

Escrito por Wagner Mendes,

PontoPoder
Legenda: Reunião entre lideres partidários ocorreu em Brasília
Foto: Foto: Reinaldo Takarabe/Divulgação

O PSDB deve indicar na manhã desta quinta-feira (9) o nome do senador Tasso Jereissati como pré-candidato a vice na chapa de Simone Tebet (MDB) à presidência da República. A informação é do jornal O GLOBO.

O Diário do Nordeste procurou a assessoria do parlamentar para confirmar a informação. A assessoria do senador, no entanto, afirmou que não está comentando o assunto.

Um encontro entre lideranças tucanas em Brasília, nesta quarta-feira (8), formalizou o acordo entre MDB, PSDB e Cidadania. Nas redes sociais, o partido se manifestou sobre a aliança.

Legenda: Reunião entre lideres partidários ocorreu em Brasília
Foto: Foto: Reinaldo Takarabe/Divulgação

"Nesse importante momento da história do País será encaminhado, nessa quinta-feira, na Executiva Nacional do PSDB a proposta de coligação com o MDB para eleição de Presidente de República com o nome da Senadora Simone Tebet", diz a nota.

Além do senador cearense, estiveram no encontro o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo; do MDB, Baleia Rossi; e do Cidadania, Roberto Freire.

A senadora Simone tenta costurar alianças com partidos do centro para se fortalecer como uma alternativa às pré-candidaturas de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e do presidente Jair Bolsonaro (PL) na tentativa de liderar a chamada "terceira via".

Caso a indicação seja confirmada na Executiva do partido, o parlamentar pode voltar atrás na decisão que já havia tomado de não disputar cargos eletivos no pleito de outubro deste ano.

"Aglutinação"

De acordo com o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, o senador cearense tem o poder de aglutinar lideranças em torno de um projeto.

"O PSDB participará dessa composição como vice, se a Executiva confirmar essa posição amanhã. O partido tem nomes de história de serviços públicos ao pais, como o senador Tasso Jereissati, a senadora Mara Gabrilli...", declarou em entrevista.

Para o tucano, o ex-governador do Ceará surge como um aglutinador nesse processo. "É um nome dos mais respeitados, que aglutina", disse.

Os integrantes da Executiva deverão aprovar a aliança com o MDB e a indicação do vice.

 

Assuntos Relacionados