Vendas do varejo no Ceará crescem 2,7% em 2018

É o melhor resultado anual para o Estado desde 2014, quando o volume de vendas expandiu 4%

O comércio varejista ampliado no Ceará - que leva em consideração as vendas de veículos, motos, partes e peças, além de material de construção - apresentou alta de 2,7% nas vendas no acumulado de 2018 na comparação com o ano de 2017. Os dados integram a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada nesta quarta-feira (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com o IBGE, o resultado é o melhor desde 2014, quando o volume de vendas no comércio varejista ampliado no Estado cresceram 4%. Em 2017, a Pesquisa Mensal do Comércio havia registrado no Ceará uma expansão de 1,9%.

Dentro do grupo de atividades do comércio varejista ampliado, os principais destaques no ano passado ficaram por conta das vendas de veículos, motocicletas, partes e peças, que cresceram 8,6% em 2018.

Em seguida aparecem os eletrodomésticos (7,5%), outros artigos de uso pessoal e doméstico (6,8%) e os equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação (4,6%).

A receita nominal do varejo ampliado no Ceará no ano passado apresentou crescimento de 4,5% na comparação com o ano de 2017, com contribuição dos avanços nas receitas nominais dos combustíveis e lubrificantes (10,5%); veículos, motocicletas, partes e peças (8,6%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (7,2%).

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados