Nota Fiscal: após transtornos, Sefaz promete solução até começo de agosto

Medidas deverão passar pela reconfiguração de alguns aplicativos comerciais para melhor dialogar com o Módulo Fiscal Eletrônico – sistema usado pelo Estado – e começarão no próxima dia 1º de fevereiro

Alguns estabelecimentos comerciais enfrentaram  dificuldades ao emitir notas fiscais nesta quinta-feira (24) devido a problemas de lentidão no sistema utilizado pela Secretária da Fazenda do Ceará. A Sefaz reconheceu o transtorno e afirmou que está trabalhando para solucionar a questão. A medida, contudo, deverá passar pela otimização do diálogo de alguns sistemas operacionais e começará no próximo dia 1º de fevereiro. O projeto deverá ser concluído no começo de agosto.  

A medida, que requer a reconfiguração de alguns aplicativos comerciais, para melhor dialogar com o Módulo Fiscal Eletrônico – sistema usado pelo Estado –, dependerá, no entanto, do cadastro e da atuação dos lojistas. Segundo a secretaria da Fazenda, Fernanda Pacobahyba, a Sefaz está mapeando comerciantes que estão passando dificuldades para identificar os problemas e fazer uma convocação para atualização do sistema. 

Com alguns negócios já adaptados, a Secretaria informou que a última lista de empresas que deverão passar pela atualização será divulgada no dia primeiro de fevereiro. Os lojistas teriam até 31 de julho para regularizar a operação em conjunto com a Sefaz. 

Até lá, a Sefaz afirmou que mantém uma equipe de suporte trabalhando 24 horas por dia para solucionar eventuais problemas que forem ocorrendo.

"O problema às vezes não está no sistema da Sefaz,  geralmente está no aplicativo comercial do contribuinte. E a nossa ferramenta acaba tendo de ser customizada,  porque são infinitas versões no mercado sendo utilizadas pelos lojistas. Recebi a informação que estávamos tendo um problema, mas já estamos trabalhando para solucionar a questão das notas fiscais", disse a secretária da Fazenda. 

Fernanda Pacobahyba, que está cumprindo agenda em Brasília até a próxima sexta-feira (25), ainda afirmou a Sefaz tem uma reunião interna programada para o começo da próxima semana para tratar sobre os problemas reportados no sistema de emissão das notas fiscais. 
 
Transtorno

Com os problemas de lentidão na emissão das notas, algumas operações comerciais não puderam ser concluídas nesta quinta-feira, impedindo que consumidores finalizem compras em supermercados da Capital cearense, por exemplo. 

Diálogo

Para discutir a questão e possíveis soluções, a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL) tem  uma reunião marcada com a Sefaz na próxima semana. A informação foi confirmada por Freitas Cordeiro, presidente da FCDL. Ele ainda ressaltou os esforços da Sefaz em controlar problemas relacionados à emissão de notas fiscais.

"A Federação tem uma agenda com a Sefaz e um das pautas é tratar sobre onde resiste a inconsistência. Sempre encontramos na Secretaria da Fazenda a maior disposição para atender nossas demandas e acredito que dessa vez não será diferente", disse Cordeiro.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios