Dólar cai 0,94% e volta a bater R$ 3,10

Na semana, a moeda dos EUA acumula pequena elevação de 0,24%

Escrito por Redação Diário do Nordeste,

Negócios

O dólar encerrou a sessão desta sexta-feira (24) em queda de 0,94%, a R$ 3,1083, depois de bater R$ 3,1511 na máxima do dia. O dia foi marcado por um movimento de correção após ganhos da moeda norte-americana nas sessões anteriores.

Nos últimos três pregões, o dólar havia acumulado alta de 2,15% sobre o real. Na semana, a moeda dos EUA acumula pequena elevação de 0,24%. O dólar futuro tinha baixa de cerca de 1% no final desta tarde.

Na véspera, o mau humor rondava o mercado externo, por conta da votação da reforma do sistema de saúde que pode substituir o Obamacare. A votação era vista pelos mercados como uma forma de avaliar as habilidades de Trumo em trabalhar com o Congresso para aprovar seus planos.

Internamente, os investidores se mantiveram cautelosos, atentos ao andamento da reforma da Previdência e após a aprovação da terceirização na Câmara dos Deputados com placar apertado.

O Banco Central vendeu integralmente nesta sessão o lote de até 10 mil swaps cambiais tradicionais, que equivalem à venda futura de dólares.