Ceará ultrapassa o número de 25 mil unidades geradoras de energia solar

Os equipamentos estão distribuídos em quase todos os municípios cearenses, totalizando uma geração de 289,8 MW

Escrito por Redação,

Negócios
Legenda: Mais de 30 mil consumidores utilizam a forma de geração de energia no estado
Foto: Agência Brasil

A energia solar segue em expansão no Ceará. De acordo com dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), já são 25.023 unidades geradoras no estado, totalizando uma produção de 289,8 MW de energia.

As conexões estão instaladas em 182 municípios, 98,9% dos 184 presentes no estado. Ao todo, 31.399 consumidores utilizam o meio em terrenos pequenos e telhados residenciais e contam com redução na conta de luz.

A potência instalada de geração própria de energia solar no Ceará coloca o estado na nona posição do ranking nacional da Absolar. Segundo a entidade, o território cearense responde sozinho por 3,5% de todo o parque fotovoltaico brasileiro na modalidade.

Impacto positivo

Conforme a Absolar, a geração própria de energia proporcionou ao estado a atração de mais de R$ 1,4 bilhão em investimentos desde 2012. Também foram gerados mais de 8,6 mil empregos e houve uma arrecadação de mais de R$ 433 milhões aos cofres públicos.

O presidente executivo da Absolar, Rodrigo Sauaia, diz que a energia solar ajuda a população e empresas a se proteger dos fortes aumentos nas contas de luz e contribui para a sustentabilidade do país.

Segundo ele, as usinas solares de grande porte geram eletricidade a preços até dez vezes menores do que as termelétricas fósseis emergenciais ou a energia elétrica importada de países vizinhos.

“Graças à versatilidade e agilidade da tecnologia solar, basta um dia de instalação para transformar uma residência ou empresa em uma pequena usina geradora de eletricidade limpa, renovável e acessível”, defende


Mario Mesquita

Comércio exterior do Nordeste

Mario Mesquita
26 de Maio de 2022