Avianca Brasil só irá operar em Fortaleza caso faça repasse das tarifas dos voos, diz Fraport

A partir de quinta-feira (11), companhia não poderá operar no terminal se não pagar adiantadamente as tarifas dos voos seguintes. Passageiros devem verificar com a Avianca Brasil a situação de seus voos antes de ir ao terminal

Legenda: A companhia aérea possui uma dívida de R$9 milhões com a administradora do terminal

A companhia aérea Avianca Brasil pode não mais operar no Aeroporto de Fortaleza a partir dessa quinta-feira (11), caso não repasse à Fraport Brasil - Fortaleza as tarifas dos voos com antecedência, informou a concessionária. A companhia aérea possui uma dívida de R$9 milhões com a administradora do terminal.

"A Avianca encontra-se em processo de recuperação judicial, vem enfrentando graves problemas financeiros, cancelamentos e atrasos por todo o Brasil. Somente com o Fortaleza Airport sua dívida já chega aos R$ 9 milhões e a média de receita diária que vem deixando de ser repassada à Fraport é de aproximadamente R$ 50 mil reais", comunicou a Fraport. 

Procurada pela reportagem, a Avianca informou que não vai comentar o assunto. 

A Fraport ainda recomendou que os passageiros verifiquem com a Avianca Brasil a situação de seus voos antes de se dirigirem ao terminal.

Segundo a administradora do Aeroporto Internacional, a Avianca já foi notificada e a decisão também já foi comunicada à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Recomendações

A Anac informou que a empresa continua obrigada a cumprir integralmente os regulamentos do setor e recomenda que os passageiros fiquem atentos aos comunicados que a Avianca deve fazer sobre a situação do voo e, em caso de dúvida, busquem informações no site da companhia aérea na internet ou contatem os seus canais de atendimento telefônico, eletrônico ou presencial.

Em caso de cancelamento ou de alteração do voo por iniciativa da Avianca, o passageiro deve ter os seus direitos respeitados, que estão disponíveis para consulta no portal da Anac na internet ou da página Passageiro Digital.

Caso o passageiro se sinta prejudicado ou tenha seus direitos desrespeitados, deve procurar a empresa aérea contratada para reivindicar seus direitos como consumidor. Se as tentativas de solução do problema pela empresa não apresentarem resultado, o usuário poderá registrar sua reclamação por meio da plataforma www.consumidor.gov.br

Voos

A Avianca mantém voos de Fortaleza para Guarulhos (São Paulo) e Juazeiro do Norte. Neste mês, a companhia cancelou as rotas para Brasília, Galeão (Rio de Janeiro) e Bogotá (Colômbia). 

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados