OAB Ceará avalia investigar postos por prática abusiva

Preço do combustível saltou 15% em menos de dois dias em Fortaleza - percentual maior do que o observado nos aumentos operados pela Petrobras nas refinarias, o qual chegou a 6%