Sem formatura, jovem procura fotógrafo para realizar sonho de tirar fotos de conclusão do EM

Ter a festa e a sessão de fotos sempre foi o sonho de Késcia Rodrigues, o que precisou ser adiado devido à contratempos

A conclusão da última série do Ensino Médio de Késcia Rodrigues durou três anos, mas o sonho de guardar recordações da conquista em imagens se mantém vivo. Em 2015 ela precisou se afastar da escola por complicações na gestação e só conseguiu concluir a etapa de estudos em 2018. Como não participou da formatura, recentemente ela compartilhou o desejo nas redes sociais em busca de algum fotógrafo que se disponibilize a fazer o ensaio. 

Atualmente, com 23 anos, Késcia diz que passou a faltar as aulas do último ano no Liceu Estadual de Maracanaú porque foi internada e descobriu a gravidez do filho Arthur Gabriel (4). “Faltava poucos meses pra eu finalizar. Quando foi no final de 2015, eles me chamaram, fiz a recuperação e passei, mas não aceitaram pela quantidade de faltas”, lembra. Ela tentou recorrer na Secretaria de Educação por ter atestados médicos que justificavam as faltas, mas acabou desistindo no meio do processo.  

Késcia relata que ia começar a pagar os preparativos da festa de formatura quando adoeceu. “Fiquei bem triste, queria muito a festa e as fotos”. A situação se estendeu até 2018, quando a jovem conheceu o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) e retomou às atividades conciliando com os cuidados ao filho pequeno. “Fiz minha inscrição e no final do ano fiz as provas”.

Sonhos

Além do desejo do ensaio fotográfico, Késcia consegue listar vários outros objetivos que só serão possíveis devido à sua motivação de voltar para a escola. “Quero fazer um curso em uma área que eu me identifico, e futuramente fazer uma faculdade, mas por agora quero conseguir um emprego", projeta. 

Contato

Quero receber conteúdos exclusivos do Dias Melhores