Sana chega à 19ª edição e traz atrações variadas do mundo geek

Marcado no calendário oficial do Estado, a novidade desse ano é uma festa única no Brasil: a 'Rave of Thrones'

Legenda: Ivi, Carol e Iasmin Sales já fazem Cosplay há cerca de sete anos e semprevão ao Sana
Foto: Foto: Thiago Gadelha

Sete anos atrás, Ivi Sales, 23, embarcou nos planos dos amigos e foi pela primeira vez ao Sana. Até então, não imaginava se apaixonar pelo universo Cosplay ou influenciar as irmãs, Carolina, 17, e Iasmin, 19, para a onda geek. Na época, o evento tinha como marca a aposta na cultura japonesa e ganharia aos poucos o espaço como um dos maiores do País no segmento dos animes, cinema, séries, música e muito mais.

Agora, mesmo com tanto tempo de participação, a animação das irmãs é a mesma. Isso porque o Sana 2019 já começa nesta sexta-feira (12) e segue até domingo (14), no Centro de Eventos do Ceará, com uma programação extensa envolvendo shows, espaços temáticos, bate-papos com dubladores e até mesmo uma atração internacional.

Para entender a relação das três irmãs com a festa, é necessário ir além da caracterização. Quase como uma tradição em família, elas buscam referências juntas e passaram a amar o universo do Cosplay por conta do Sana.

Legenda: Sana foi realizado pela primeira vez, com cultura japonesa, em Fortaleza em 2001
Foto: Foto: Fabiane de Paula

Atualmente, as três continuam a reiterar a relevância do Sana, além de ressaltar como a preparação tem sido importante para todas elas. Tanto Carolina como Iasmin, por exemplo, citam a irmã mais velha para contar quando surgiu a vontade de conhecer o Sana.

"A gente tenta fazer isso juntas até hoje, tanto porque as pessoas gostam de ver nossos cosplayers quanto porque a gente se diverte demais", conta Ivi. "Nesses momentos de preparação acabamos tendo uma discussão ou outra, mas no fim das contas é muito legal poder estar juntas em algo que gostamos".

A irmã mais nova, Carolina, aponta os concursos e até mesmo o K-Pop, estilo coreano que tem unido muitos jovens pelo mundo, como fatores capazes de levar cada vez mais público ao evento. A expectativa desse ano, inclusive, é de que cerca de 50 mil pessoas passem pelo Centro de Eventos durante todos os três dias.

"Quando comecei a ir, nossos amigos falaram dos concursos de cosplayers e achamos que nos daríamos bem competindo", explica a jovem.

Questionadas sobre as influências, elas comentam ter tido contato com os animes desde a infância por conta do pai e da mãe. Até hoje, elas explicam, os desenhos japoneses estão entre as coisas que mais gostam de consumir.

"Eu assisti meu primeiro anime com uns 2 anos de idade, mas só descobri o que era mesmo em 2010 e foi mágico adentrar nesse universo que também dá abertura para vários outros produtos", opina Iasmin Sales.

Organização

Enquanto crianças, jovens e adultos ficam no aguardo das atrações do novo ano, a preparação para montar uma programação e toda a estrutura começa antes dos dias oficiais.

Pelo menos é o que conta Ricardo Tusgaib, diretor do Sana. Segundo ele, todo o processo de organização no local se inicia na semana anterior ao início. "A montagem dessa 19ª edição começou desde a última terça-feira e deve seguir até os momentos que antecedem a abertura", explica.

Se deixar tudo pronto é algo que requer empenho, transformar a celebração da cultura pop em tamanho grandioso foi que exigiu ainda mais força. De acordo com Ricardo, o Sana foi ganhando contornos diferentes com o passar dos anos.

"Brinco dizendo que o Sana já está na maioridade. Ano passado nós entramos no calendário oficial do Estado do Ceará e foi um orgulho enorme poder presenciar esse reconhecimento como um evento tradicional e lembrado pelas pessoas por aqui", contou. Com a expansão dos públicos, ele aponta as novas dimensões do Sana. "Por mais que ele seja visto como algo de nicho, essa parcela do mundo nerd não deixa de ser um nicho muito grande. Exatamente por isso existem vários tipos de diferentes interesses dentro do Sana. Mesmo assim, nós não perdemos as nossas raízes ".

Exemplo disso é a diversidade de atrações a cada nova edição. Agora em 2019, os dubladores continuam com grande espaço: Sylvia Salusti e Garcia Júnior, vozes de personagens como Rapunzel e Simba, são os convidados principais.

Entretanto, a atração que deve chamar mais atenção do público tem a ver com a série Game of Thrones. Kristian Nairn, ator responsável pelo personagem 'Hodor', será um dos presentes. "É uma das nossas maiores apostas dessa vez. A 'Rave of Thrones' seria algo que eu recomendaria para quem vem ao Sana este ano", reiterou Tusgaib.

Entre os ansiosos, resta esperar pela abertura, marcada para 12h desta sexta-feira. Para as irmãs serão necessários os ajustes finais nas roupas e a vontade mostrar, mais uma vez, como a cultura pop é capaz de unir além de divertir.


Categorias Relacionadas