Cineteatro São Luiz exibe filmes finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Mostra gratuita acontece até 8 de agosto e reúne longas de ficção e documentários

Legenda: Em "Chacrinha: O Velho Guerreiro" (2018), conhecemos a trajetória de José Abelardo Barbosa, o Chacrinha, desde o momento em que larga a faculdade até se transformar no comunicador mais conhecido do Brasil
Foto: DIVULGAÇÃO

O Cineteatro São Luiz apresenta as produções finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, evento promovido pela Academia Brasileira de Cinema. A mostra segue até 8 de agosto e conta com filmes finalistas em quatro categorias: "Melhor Longa-Metragem Estrangeiro", "Melhor Longa-Metragem Ibero-Americano", "Melhor Longa-Metragem Ficção" e "Melhor Longa-Metragem Documentário". 

Os destaques estrangeiros e Ibero-Americanos já foram exibidos no equipamento cultural no mês de julho. Durante o mês de agosto será a vez das obras que concorrem na categoria "Melhor Longa-Metragem Ficção" e "Melhor Longa-Metragem Documentário". Em Ficção serão exibidos: “A Voz do Silêncio”; “Benzinho”; “Chacrinha - O Velho Guerreiro”; “O Grande Circo Místico” e “O Paciente - O Caso Tancredo Neves”

Já em Documentário o São Luiz recebe “My Name is Now, Elza Soares”; “A Luta do Século”; “Todos os Paulos do Mundo”; “Ex Pajé” e “O Processo”.

Cinema brasileiro

Em 2019, a mostra acontece em oito estados brasileiros: Pará, Paraíba, Bahia, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Ceará, onde o Cineteatro São Luiz se destaca como território exibidor.

Com 18 edições realizadas, o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro é considerado uma das maiores premiações do cinema nacional. Reúne os principais protagonistas do cenário cultural brasileiro, artistas e instituições produtoras, contribuindo, assim, para a promoção, incentivo e divulgação das obras da produção recente do país. 

Programação 

DIA 05/08 (SEGUNDA-FEIRA) 

14h: MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO -  "O PROCESSO" (2018), de Maria Augusta Ramos

Sinopse: O documentário mostra a crise política que afeta o Brasil desde 2013 sem nenhum tipo de abordagem direta, como entrevistas ou intervenções. Acompanhe imagens das votações e discussões que determinaram a destituição da presidente Dilma Rousseff.

17h: MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO - "MY NAME IS NOW, ELZA SOARES" (2018), de Elizabete Martins Campos

Sinopse: Elza Soares diante do espelho, cara a cara, desafia o telespectador em uma saga que ultrapassa o tempo, espaço, perdas e sucessos.

19h: MELHOR LONGA-METRAGEM FICÇÃO - "A VOZ DO SILÊNCIO" (2018), de André Ristum

Sinopse: Sete pessoas conduzem suas vidas buscando aquilo que acreditam trazer satisfação pessoal. Mesmo com vidas distintas e distantes, elas se aproximam pela maneira como orientam suas existências.

DIA 06/08(TERÇA-FEIRA) 

16h30 MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO - "A LUTA DO SÉCULO" (2018), de Sergio Machado

Sinopse: Um retrato sobre a maior rivalidade do boxe brasileiro e também do histórico de lutas dos boxeadores Luciano Todo Duro e Reginaldo Holyfield.

19h MELHOR LONGA-METRAGEM FICÇÃO - "O PACIENTE: O CASO TANCREDO NEVES" (2018), de Sergio Rezende

Sinopse: Os últimos dias da vida de Tancredo Neves, o primeiro presidente civil, eleito pelo colégio eleitoral no Congresso Nacional, depois da ditadura militar. Toda a expectativa da população brasileira e a doença de Tancredo, que depois de 39 dias de internação, morreu no dia 21 de abril de 1985, nunca
sendo empossado.

DIA 07/08(QUARTA-FEIRA) 

16h30 MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO - "TODOS OS PAULOS DO MUNDO" (2018),  de Gustavo Ribeiro e Rodrigo de Oliveira

Sinopse: Um compilado com diversas cenas marcantes da carreira de Paulo, narradas por depoimentos escritos por ele.

19h MELHOR LONGA-METRAGEM FICÇÃO - "CHACRINHA: O VELHO GUERREIRO" (2018),  de Andrucha Waddington 

Sinopse: A trajetória de José Abelardo Barbosa, o Chacrinha, desde o momento em que larga a faculdade de medicina para se aventurar em seu primeiro "bico" como locutor de rádio até se transformar no alter ego mais conhecido do Brasil.

DIA 08/08 (QUINTA-FEIRA)

14h MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO - "EX PAJÉ" (2018), de Luiz Bolognesi

Sinopse: Um pajé passa a questionar sua fé depois de seu primeiro contato com os brancos, que alegam que sua religião é demoníaca. A missão evangelizadora comandada por um pastor intolerante é questionada quando a morte passa a rondar a aldeia e a sensibilidade do índio em relação aos espíritos da floresta
se mostra indispensável.

16h MELHOR LONGA-METRAGEM FICÇÃO - "BENZINHO" (2018), de Gustavo Pizzi 

Sinopse: Irene é uma mãe de família que precisa lidar com a partida prematura de seu filho mais velho, Fernando, que vai tentar a vida como jogador de handebol na Alemanha.

19h MELHOR LONGA-METRAGEM FICÇÃO - "O GRANDE CIRCO MÍSTICO" (2018), de Cacá Diegues

Sinopse: A história de cinco gerações de uma mesma família circense, da inauguração do Grande Circo Místico em 1910 aos dias de hoje. Celavi, o mestre de cerimônias que nunca envelhece, mostra as aventuras e os amores dos Knieps, do apogeu à decadência.