Apresentações da Paixão de Cristo voltam ao presencial em Fortaleza e no interior; veja lista

Recordando um dos momentos mais importantes para a fé cristã, experiências cênicas acontecem sob diferentes perspectivas

Legenda: Cena do espetáculo "Às Margens", do Grupo Avia de Teatro: destaque para a perspectiva das pessoas em situação de rua
Foto: Dyanne Pinho e Erick Lucas

Fascínio, reflexão, arrebatamento. Todos os anos, a Paixão de Cristo recorda um dos momentos mais importantes para a fé de milhões de pessoas. A Sexta-feira Santa é o dia no qual o sofrimento do filho de Deus confere a real dimensão da entrega dele ao Pai. Esse instante de sacrifício é abraçado pela arte mediante várias experiências cênicas.

Tanto em Fortaleza quanto no interior, grupos voltam a se apresentar de forma presencial. Geralmente em locais abertos, os espetáculos devem ganhar nova textura após o período de maior reclusão devido à pandemia de Covid-19. Será quando artistas e públicos comungarão do espírito pascal de modo ainda mais intenso e vívido.

Entre diferentes territórios e perspectivas, preparamos uma lista com algumas das principais montagens nesta data. Veja:


“Às margens”, do grupo Avia de Teatro

Dirigido por Neide Oliveira, o espetáculo “Às margens” encena a Paixão de Cristo combinando música, circo e o acolhimento de pessoas em situação de rua na Capital. As calçadas do Theatro José de Alencar são o palco da apresentação. Esse trabalho na rua transforma a maneira de contar a maior história de todos os tempos.

No total, sete atores e atrizes compõem o elenco. A ideia é estar lado a lado de homens, mulheres e crianças esquecidos pela sociedade, às margens do cotidiano. Desse modo, o teatro abraça os esquecidos a fim de lembrá-los que não caminham sozinhos –  feito agiu o grande homenageado da data, Jesus Cristo.

Legenda: A ideia da montagem é estar lado a lado de homens, mulheres e crianças esquecidos pela sociedade
Foto: Dyanne Pinho e Erick Lucas

O Grupo Avia de Teatro é formado por estudantes oriundos do Curso de Princípios Básicos de teatro (CPBT) do Theatro José de Alencar, do Curso de Teatro do Instituto Federal do Ceará (IFCE) e atores de outras companhias teatrais. A trupe nasceu em 2017.

 

Serviço
Espetáculo “Às margens”, do grupo Avia de Teatro
Nesta sexta-feira (15), às 15h, na calçada do Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 - Centro). Duração: 40 minutos. Classificação: livre. Gratuito

Paixão de Cristo do bairro Ellery

O Grupo Juvenil da Sagrada Família também retorna ao formato presencial após dois anos de isolamento compulsório. A Paixão de Cristo do bairro Ellery é um dos grandes eventos da comunidade. O itinerário de Jesus são as próprias ruas do local. Mais de 50 crianças e jovens participam dessa grande memória do sacrifício divino.

Durante a procissão, em cada estação alguém lerá um texto sobre educação, lembrando o tema da Campanha da Fraternidade deste ano. Todos trazem cobranças aos órgãos públicos por mais investimentos na área, além de defesa dos direitos das pessoas por educação básica. A comunidade, portanto, chega junto para gritar num só coro.

Legenda: Mais de 50 crianças e jovens do bairro Ellery participam dessa grande memória do sacrifício divino
Foto: Arquidiocese de Fortaleza

Não só isso, porém. Diferentes moradores ajudam na lavagem do figurino, montagem de cenários e otimização dos ensaios. Verdadeira força-tarefa para recordar o martírio de Jesus. A organização da montagem é da Associação dos Bairros Ellery e Monte Castelo. 

 

Serviço
Paixão de Cristo do bairro Ellery, pelo Grupo Juvenil da Sagrada Família
Nesta sexta-feira (15), às 7h, partindo da Rua Doutor Almeida Filho, 326, bairro Ellery. Gratuito.

Paixão de Cristo da Área Missionária do Santíssimo Redentor (Pan-Americano)

Outro lugar da Capital que sedia um espetáculo da Paixão de Cristo é a Área Missionária do Santíssimo Redentor, compreendendo o bairro Pan-Americano, no Grande Pici. Intitulada “Paixão de Cristo - Vida, morte e ressurreição”, a montagem sai da Capela Santo Antônio, a partir das 16h, fruto da parceria de toda a comunidade.

Com várias paradas rememorando as estações por onde Jesus passou, o foco é refletir sobre temas urgentes a partir do cotidiano local. Em uma delas, Cristo se encontra com Maria. Mulher forte que assume a missão, sabe que tudo aquilo já estava escrito para acontecer, mas, ao ver o filho machucado, fura o bloqueio de soldados romanos.

Legenda: Neste ano, uma das estações será na Biblioteca Comunitária Papoco de Ideias, que está com as portas temporariamente fechadas devido à falta de apoio público
Foto: Divulgação

Neste ano, essa estação será na Biblioteca Comunitária Papoco de Ideias. O local, idealizado por mulheres e com trajetória de seis anos, vem furando as barreiras sociais a fim de realizar um trabalho de difusão da literatura e do conhecimento. No momento, ela está com as portas temporariamente fechadas devido à falta de apoio público. 

A ideia, assim, é que várias outras bibliotecas comunitárias que passam pela mesma situação na cidade possam estar juntas durante a parada, reivindicando melhorias.

 

Serviço
Paixão de Cristo da Área Missionária do Santíssimo Redentor (Pan-Americano)
Nesta sexta-feira (15), às 16h, saindo da Capela Santo Antônio (Rua Uruguaiana, 740, Pici). Gratuito.


Paixão de Cristo da Vila de Pescadores de Quixaba 

No interior do Estado, a Paixão de Cristo de Quixaba, praia do município de Aracati, acontecerá nesta sexta-feira também percorrendo as principais vias da cidade. Mais de 150 pessoas unem esforços para apresentar o espetáculo, de volta ao formato presencial.

A montagem surgiu no ano de 2000 com o intuito de reunir os moradores da comunidade em volta da tradição católica. A geografia do local – composta de praias, dunas e as famosas falésias brancas – remete às passagens bíblicas. Resultado: cenário ideal para a demonstração da fé cristã em solo genuinamente cearense.

Legenda: A geografia de Quixaba – composta de praias, dunas e as famosas falésias brancas – remete às passagens bíblicas
Foto: Divulgação

Os adereços são confeccionados por famílias de pescadores e artesãos locais. No início, o trajeto que representava a Via Crúcis percorria a casa dos moradores. Contudo, logo surgiu a necessidade de criar algo maior. Foi assim que a comunidade construiu a Arena da Paixão, com arquibancadas, cenários fixos e adereços.

 

Serviço
Paixão de Cristo da Vila de Pescadores de Quixaba 
Nesta sexta-feira (15), às 16h, em Quixaba. Gratuito.

Paixão de Cristo de Caridade

Recebendo cada vez mais destaque em todo o Ceará – tido como um dos maiores espetáculos a céu aberto dos sertões de Canindé – a Paixão de Cristo do município de Caridade também promoverá instantes de mergulho na devoção cristã.

Com grande elenco e esmerada produção, a montagem é realizada desde 2010. Neste ano, volta a ter contato físico com o público por meio de apresentação presencial, em frente à Igreja Matriz da cidade.

Legenda: Com grande elenco e esmerada produção, a Paixão de Cristo de Caridade é realizada desde 2010
Foto: Divulgação

O evento é promovido em parceria com a Paróquia de Santo Antônio e tem apoio da Prefeitura Municipal de Caridade e do Governo do Estado do Ceará.


Serviço
Paixão de Cristo de Caridade
Nesta sexta-feira (15), às 19h, em frente à Igreja Matriz do município de Caridade. Gratuito.


Paixão de Cristo de Eusébio

Na Região Metropolitana de Fortaleza, o município de Eusébio também apresentará a própria Paixão de Cristo. Neste ano, mil participantes integram a montagem, com 703 atores na arena Eusebelém. O tema será “Os olhos que viram o amor”, trazendo a história de Jesus sob a ótica de Maria, que acompanhou todos os passos do divino filho.

Duas bandas se apresentarão durante o evento: a Comunidade Totus Tuus Mariae, na quinta-feira (14), e a Banda Lisieux, na sexta (15). A Banda Sinfônica de Eusébio participará de todo espetáculo, conferindo ritmo e emoção às cenas. Bailarinos da Escola de Dança da Secretaria da Cultura do município completam o time.

Legenda: Neste ano, mil participantes integram a montagem, com 703 atores na arena Eusebelém
Foto: Secult/Prefeitura Municipal de Eusébio

Para preservar a segurança durante a montagem, serão disponibilizados 105 agentes nos dois dias de evento, compreendendo Guarda Civil Municipal de Eusébio, Grupo Raio, Polícia Militar e Autarquia Municipal de Trânsito (AMT). O acesso das pessoas ao espetáculo também será facilitado.

 

Serviço
Paixão de Cristo de Eusébio
Nesta quinta (14) e sexta-feira (15), a partir das 19h, no espaço da Secretaria da Cultura do município. Gratuito.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?