Defensora pública aposentada chama entregador de 'macaco' em Niterói, RJ

Caso foi registrado como 'injúria por preconceito', e mulher será intimada

Uma defensora pública aposentada é investigada pelo crime de injúria racial após chamar um entregador de "macaco" em Niterói (RJ). Vídeo divulgado nas redes sociais mostra a mulher xingando o homem e entrando em um carro de luxo em um condomínio de alto padrão no bairro Itaipu. O caso ocorreu enquanto uma dupla de entregadores fazia uma entrega em uma van no último sábado (30), mas só foi registrado na terça-feira (3), apontou o portal G1, como "injúria por preconceito". A defesa das vítimas afirmou à publicação que a suspeita teria, ainda, tentado danificar o veículo. A mulher será intimada para prestar esclarecimentos.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil