Operação da Polícia Federal cumpre mandados de busca em Fortaleza e em Catarina por compra de votos

A Operação Tantos investiga crimes eleitorais cometidos durante as eleições municipais de 2020 no Ceará

Escrito por Redação,

Segurança
Esta imagem mostra uma viatura da polícia federal estacionada ao lado do CRAS do município de Catarina, no Ceará. Ao lado do automóvel está um agente da Polícia Federal.
Legenda: Seis mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Catarina pelos agentes da Polícia Federal
Foto: divulgação

A Polícia Federal cumpriu, na manhã desta sexta-feira (29), nove mandados de busca e apreensão, sendo seis deles no município de Catarina e três em Fortaleza. A Operação Tantos investiga crimes eleitorais cometidos durante as eleições municipais de 2020 no Ceará. Ninguém foi preso na ação. 

  

O inquérito policial, que está em curso na Delegacia de Polícia Federal em Juazeiro do Norte, apura a prática de oferecimento de valores, cheques, ameaças, propostas de emprego, uso dos cartões de benefício social e do aumento de salário de servidores públicos em troca de votos na cidade de Catarina. A ação decorre de uma representação do Ministério Público Eleitoral.


Os agentes federais apreenderam computadores, celulares e documentos nos endereços alvos, localizados nos dois municípios. Em Fortaleza, as ordens expedidas pela Justiça Eleitoral foram cumpridas nos bairros Cocó e José Bonifácio.   

A pena para o delito de compra de votos é de um a quatro anos de reclusão. Segundo a Polícia, o nome da operação remete ao termo utilizado por um dos investigados, que prometia “tantos mil” em troca de votos.