Prefeitura da Capital investe R$ 2 bilhões em obras e quer priorizar interligação da orla, diz Sarto

O prefeito reúne os principais gestores municipais em uma reunião de avaliação e acompanhamento das obras do plano de governo

Prefeito de Fortaleza, José Sarto, e presidente da Câmara Municipal, Antônio Henrique, em evento com secretários municipais
Legenda: O prefeito destacou a frustração de receitas, mas disse que o Executivo manteve os investimentos
Foto: Fabiane de Paula

A Prefeitura de Fortaleza investiu, neste ano, cerca de R$ 2 bilhões de reais em 137 obras que estão em andamento ou vão começar em 2022, segundo o prefeito José Sarto (PDT). Uma das prioridades, segundo ele, é o projeto de interligação da orla da Capital que deverá ficar pronto até o fim do ano que vem.

Sarto reúne cerca de 50 gestores da administração municipal na manhã desta sexta-feira (17), em um hotel da orla municipal para uma reunião de planejamento e acompanhamento das intervenções. Participam também o presidente da Câmara Municipal, vereador Antônio Henrique (PDT) e o ex-ministro Ciro Gomes.

A reunião segue durante todo o dia. Além de acompanhar as principais ações, a ideia é avaliar o cumprimento do plano de governo elaborado ainda na campanha eleitoral. 

“Em menos de nove meses de gestão já investimos 2 bilhões em 137 obras que estão 90% da periferia e representa 24% do nosso programa de governo, desde construção de posto de saúde, escola em tempo integral, areninhas, saneamento, parques”., disse o prefeito.

Situação fiscal

Sarto falou ainda sobre a situação fiscal do município em meio à crise da COVID-19. Segundo ele, a prefeitura teve uma queda na arrecadação de R$ 84 milhões nos três primeiros meses deste ano e também recebeu menos repasses do Governo Federal para o combate à pandemia.

84 milhões
Foi a frustração de receitas para a Prefeitura só nos três primeiros meses do ano

“Só custo Covid recebemos R$ 10 milhões 288 mil enquanto no ano passado foram aportados pra cá R$ 470 milhões”. 

Legenda: Cerca de 50 gestores municipais participam do encontro na manhã desta sexta-feira (17)
Foto: Fabiane de Paula

Sobre as prioridades na gestão, José Sarto Nogueira destacou o projeto de interligar a orla de Fortaleza. 

“Não tem nenhuma ação (do plano de governo) que não tenha percentual executado. Por exemplo, a Beira Mar de Todos. Vamos interligar a orla: projeto Beira Rio, interligando Vila do Mar, passando por Mercado dos Peixes e o projeto da Sabiaguaba. Nós teremos a orla mais bonita do Brasil. Isso (a obra) vai terminar entre primeiro e segundo semestre do ano que vem”.