Elba Ramalho se irrita após público protestar contra Bolsonaro: "isso é um show, não comício"

Cantora se apresentava em festa de São João no Parque das Exposições neste domingo (26)

Escrito por Redação,

Zoeira
A cantora Elba Ramalho estende a mão para interromper público que estava se manifestando contra o presidente Jair Bolsonaro.
Legenda: A cantora paraibana só voltou a se apresentar quando o público parou com a manifestação.
Foto: Reprodução

A cantora Elba Ramalho interrompeu a própria apresentação no Parque das Exposições, em Salvador, quando ouviu parte do grupo gritar "Fora, Bolsonaro". O episódio aconteceu neste domingo (26), numa festa de São João.

"Não quero fazer política, desculpa. Isso é um show de São João, não um comício", alegou a paraibana, que, antes, comentava sobre o período difícil enfrentado pela população durante as primeiras ondas da pandemia de Covid-19.

Manifestação pró-Lula

Logo depois do ocorrido, ao se preparar para anunciar uma ação no telão, a paraibana foi surpreendida com um coro em favor do ex-presidente e pré-candidato à presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

"Olê, olê, olê, olá, Lula, Lula!", gritava o público. Elba disse: "A plateia está se manifestando. Como a gente vive em um país democrático, tem que deixar". Em seguida, disparou: "Cada um tem o presidente que merece".

A cantora só voltou a se apresentar quando o público parou com a manifestação.

Declarações polêmicas

Em janeiro deste ano, viralizou na internet um vídeo em que a artista diz que a pandemia de Covid-19 foi uma "criação" de comunistas para o intuito de "destruir cristãos". Ela, depois, pediu desculpas pelo que disse.

"Vamos sobreviver a essa turbulência que a humanidade está atravessando. Para muitas pessoas, é apenas uma pandemia. Para nós, o senhor sabe e eu sei, é muito mais coisa por trás dessa pandemia e que vem ainda com o intuito de nos destruir. Nós somos o incômodo, o calo dos comunistas. Somos nós, cristãos, mas nós somos também a resistência e vamos permanecer fiéis, porque Deus vai nos proteger", afirmou ela.

Assuntos Relacionados