Após divulgação dos resultados, Sisu 2022.2 libera inscrição para a lista de espera

Podem participar quem não foi selecionado em nenhuma das opções na chamada regular

Legenda: Sisu divulga selecionados para o segundo semestre.
Foto: Adobe Stock

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) divulgou ontem, 6, os nomes dos estudantes selecionados para cursos de graduação com matrícula no segundo semestre de 2022. Os selecionados terão de 13 a 18 de julho para confirmar as vagas diretamente nas instituições escolhidas. Quem não foi aprovado poderá manifestar interesse em participar da lista de espera até 18 de julho.

A manifestação de interesse na lista de espera deve ser feita no mesmo site, o Portal Acesso Único, em que o aluno havia se inscrito para a chamada regular. São aptos a participar todos os estudantes não selecionados na chamada regular em nenhuma das duas opções de curso escolhidas, sendo que nesta fase será necessário optar por uma formação.

A convocação dos selecionados para efetuarem a matrícula caberá às instituições de ensino superior (IES), a partir do dia 25 de julho. Os interessados precisam verificar o andamento da chamada junto à instituição para qual tenham manifestado interesse e se certificar de ter concluído todo o processo de inscrição. As universidades informarão os dias, horários e locais de atendimento, assim como a documentação necessária para efetivar a matrícula.

Sobre o Sisu 2022.2

Ao todo, 59.937 estudantes foram selecionados na chamada regular. Desses, 36.351 (62% do total de selecionados) conseguiram aprovação para a 1ª opção de graduação e 22.586 (38%) para a 2ª opção de curso, conforme indicado pelos candidatos no ato de suas inscrições. A oferta nesta edição do Sisu totalizou 65.932 vagas.

O Sisu é o sistema informatizado do MEC no qual as instituições públicas de educação superior, sejam elas federais, estaduais ou municipais, oferecem vagas a serem disputadas por candidatos inscritos em cada edição da seleção. Os candidatos são selecionados para as opções de cursos indicadas no ato de inscrição, de acordo com a melhor classificação de nota obtida na edição mais recente do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Quero receber conteúdos exclusivos do EducaLab

Assuntos Relacionados