Criminosos invadem cinco escolas em Caucaia e roubam armas e coletes balísticos

Ocorrências se deram na madrugada deste sábado (16) em instituições dos bairros Capuan e Genipabu

Fachada da Delegacia Metropolitana de Caucaia, com duas viaturas estacionadas na frente
Legenda: A Delegacia Metropolitana de Caucaia instaurou inquérito para investigar o crime
Foto: Rafaela Duarte

Cinco escolas indígenas localizadas no município de Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foram alvos de roubo na madrugada deste sábado (16). Homens armados invadiram as instituições, nos bairros Capuan e Genipabu, e renderam vigilantes e levaram armamentos e coletes balísticos.

As armas subtraídas pelos criminosos estavam trancadas nos armários das escolas. Informações de áudios que circulam nas redes sociais dão conta de que alguns dos suspeitos chegaram a fazer ameaças de mortes aos vigias.

As informações são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Segundo a pasta, equipes das polícias Militar do Ceará (PMCE) e Civil do Ceará (PC-CE) "estão mobilizadas" nas diligências do caso. 

Investigações

Boletins de Ocorrência (B.O) sobre os roubos foram registrados na Delegacia Metropolitana de Caucaia (DMC), que instaurou um inquérito policial para identificar os suspeitos e investigar os crimes. 

"Mais informações serão passadas posteriormente para não atrapalhar os trabalhos policiais", pontuou a SSPDS.

Não se sabe em quais instituições de ensino os crimes aconteceram. O Sistema Verdes Mares solicitou detalhes do caso à Secretaria da Educação do Estado do Ceará (Seduc), mas a pasta disse que o posicionamento oficial é o enviado pela Secretaria da Segurança. 

A Seduc frisou que os fatos ocorreram de madrugada e, por isso, não haviam alunos nas escolas. 

A SSPDS frisou que a população pode contribuir com informações anônimas que auxiliem nos trabalhos policiais. 

Denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

As denúncias também podem ser encaminhadas para o telefone (85) 3101-3360, da Delegacia de Metropolitana de Caucaia (DMC). O sigilo e o anonimato são garantidos.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança