Caminhoneiro acorda com veículo em chamas e tem corpo queimado após ataque criminoso em Fortaleza

Motorista Kelvin Alves dormia dentro do caminhão quando foi surpreendido por criminosos. Ele sofreu queimaduras na barriga, braços, mãos e pescoço

Legenda: Motorista natural de Natal conseguiu controlar as chamas. Ele teve ferimentos nas mãos, braços, pernas e pescoço
Foto: Leáben Monteiro

Criminosos atacaram, na madrugada desta terça-feira (24), um motorista de um caminhão, no bairro Cais do Porto em Fortaleza. O ataque foi registrado por volta das 2h30 na Avenida Vicente de Castro.  

O quinto dia seguido de ataques criminosos no Ceará começou com a frota de 70% dos ônibus e a convocação de policiais militares de férias. Além do ataque registrado no Cais do Porto, pelo menos dois ataques aconteceram nesta terça-feira. Um caminhão foi incendiado sobre a ponte do Rio Ceará, que liga Fortaleza e Caucaia, e dois ônibus estacionados em um posto de gasolina, no bairro Palestina, na cidade de Canindé. Os dois casos aconteceram durante a madrugada.

Descanso dentro do caminhão

O motorista identificado como Kelvin Alves, de 37 anos, é natural de Natal, no Rio Grande do Norte, e disse para o Sistema Verdes Mares que dormia dentro do veículo quando foi surpreendido pelo barulho de algo batendo no caminhão e em seguida as chamas. “Eu estava dormindo quando eu ouvi um barulho de algo jogado no caminhão e vi fogo. Infelizmente não deu para ver ninguém por causa do escuro”. 

O motorista contou que tão logo foi atingido conseguiu sair rapidamente de dentro do caminhão e em seguida apagou as chamas.  “Apesar de eu ter me queimado eu consegui sair do caminhão e voltei para controlar o fogo. E consegui apagar”. 

Após o crime, os criminosos fugiram. O motorista foi encaminhado por uma equipe da Polícia Militar até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Praia do Futuro. Ele sofreu queimaduras na barriga, nos braços, nas mãos e pescoço.

Legenda: O atentado foi por volta de 2h30 da madrugada. Motorista acordou com barulho forte quando viu foi o fogo
Foto: Leáben Monteiro

Ataques na Grande Fortaleza e interior do Estado

Desde a sexta-feira (20), foram pelo menos 30 ataques registrados no Estado, e cidades como Quixadá, Jucás, Ibaretama, Maracanaú, Canindé e Fortaleza. Ao menos 10 pessoas foram capturadas, oito adultos e dois adolescentes. Na maioria dos casos, veículos foram incendiados. Entre os alvos estão ônibus do transporte público, caminhões e carros particulares, três veículos da Enel e uma da Cagece. Em um juizado especial, uma bomba caseira explodiu.

Pelo menos quatro pessoas ficaram feridas nas ações. Além de Kelvin alves, um motorista ficou ferido na perna em um ataque a uma topique no Bairro Sítio São João, em Fortaleza, e o motorista de um caminhão teve uma queimadura no braço quando o veiculo onde ele estava foi incendiado em Maracanaú. Um suspeito de atear fogo a dois ônibus em Canindé também teve queimaduras.

A frota de ônibus do transporte coletivo foi reduzida em Fortaleza e na Região Metropolitana nesta terça, segundo o Sindiônibus, Etufor e Secretaria da Segurança Pública do Ceará (SSPDS). Por medida de segurança, apenas 70% do total de veículos do transporte público está "operando com o acompanhamento e a segurança da Polícia Militar", de acordo com nota conjunta desses dois órgãos e do sindicato.

Para reforçar a segurança nos coletivos e garantir a integridade da população, o comando-feral da Polícia Militar convocou todos os policiais militares de férias e suspendeu os cursos na Academia de Segurança Pública (Aesp). Todos devem se apresentar nesta manhã já devidamente uniformizados.

Ataques confirmados

Terça-feira (24)
- caminhão de carga incendiado sobre a ponte do Rio Ceará, que liga Fortaleza a Caucaia
- dois ônibus estacionados em um posto de gasolina, no Bairro Palestina, na cidade de Canindé, foi incendiado
- caminhoneiro ferido após tentativa de incêndio a um caminhão no Cais do Porto, em Fortaleza
- ônibus sucateado queimado em posto de combustível em Ibaretama

Segunda (23)
- carro Enel incendiado no bairro Conjunto Esperança
- ônibus incendiado Alameda das Palmeiras, bairro Ancuri 
- ônibus incendiado no campo conhecido como "Seu Pedro", em Aracape
- ônibus escolar incendiado em Paracuru
- carro Enel incendiado no Jangurussu
- carro da Cagece incendiado no bairro Presidente Vargas
- ônibus d eempresa privada incendiado no Canindezinho 
- topique incendiada na Rua Verde, Sítio São João (motorista teve a perna ferida)
- carro de empresa de internet incendiado no Planalto Ayrton Senna
- topique incendiada Vila Velha 
- micro-ônibus da linha mondubim incendiado
- ônibus de empresa privada incendiado na ponte sobre o Rio Ceará
- ônibus incendiado em Iparana, em Caucaia
- Juizado Especial Cível e Criminal do Vila Velha sofreu a explosão de uma bomba caseira
- dois caminhões incendiados em Maracanaú
- caminhão incendiado no pátio da sub-prefeitura de Pacatuba
- cinco veículos estacionados na garagem da prefeitura do município de Jucás incendiados

Domingo (22)
- três caminhões incendiados na BR-116 no bairro Ancuri, em Fortaleza
- posto de combustíveis em Quixadá sofre tentativa de incêndio
- caminhão com carga de papel higiênico incendiado em Maracanaú
- caminhão incendiado na Cidade 2000 
- loja de veículos atacada na Av. Godofredo Maciel, na Maraponga
- carro da Enel incendiado em Quixadá

Sábado (21)
- Técnicos são alvos de tiros durante manutenção em torre de telefonia no bairro Messejana
- caminhão de frios incendiado na Rua das Adenanteras, na Cidade 2000

Sexta-feira (20)
- caminhão é levado de Quixadá e incendiado em Quixeramobim