'Baile Funk' no Benfica, PMs desacatados e homem ferido durante dispersão; veja vídeo da aglomeração

As imagens mostram a Praça da Gentilândia e o entorno na noite dessa sexta-feira (27)

Escrito por Redação, seguranca@svm.com.br

Segurança

Cenas de aglomeração no bairro Benfica se repetiram na noite dessa sexta-feira (27). Centenas de populares ocuparam a Praça da Gentilândia e seu entorno promovendo na via pública uma espécie de 'baile funk'.

A Polícia Militar do Ceará (PMCE) foi acionada ao local e disse ter efetuado disparo de munição de impacto controlado, que atingiu os pés de um homem. Ele foi socorrido a uma unidade hospitalar.

Nas imagens é observada a ausência do uso da máscara de proteção pela maioria dos presentes e paredões de som. No momento em que os agentes chegam ao local nas viaturas e com a sirene ligada, muitos começam a correr gerando maior tumulto no espaço.

Devido à pandemia, estão proibidas aglomerações em espaços público ou privados. O intuito é conter o avanço da propagação do coronavírus. Apesar do decreto do Governo, frequentemente há registros de multidões no bairro Benfica. 

De acordo com nota da PMCE, havia mais de 300 pessoas na Praça da Gentilândia naquele momento. "Um grupo se opôs às orientações e teria desacatado os agentes. Um dos integrantes do grupo teria tentado agredir a composição com uma garrafa", disse a Polícia ao explicar o porquê do disparo.

Dois homens foram conduzidos ao 34º Distrito Policial da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), onde foram autuados com base no art. 331 (Desacato) do Código Penal Brasileiro.

A Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) informou que ao chegar na Praça nessa sexta-feira (27) as aglomerações já haviam sido dispersadas. "A Prefeitura ressalta a importância do apoio da população para que respeitem os protocolos sanitários, como o distanciamento social, e para que os estabelecimentos realizem o controle do número de pessoas que acessam os ambientes, disponibilizando álcool em gel, aferindo a temperatura na entrada e fiscalizando o uso obrigatório de máscaras".


Como denunciar

Em Fortaleza, pode contatar Agefis pelo número 156, pelo aplicativo Fiscalize Fortaleza (disponível para Android e iOS) e pelo site. A Vigilância Sanitária do Estado do Ceará e a Central da Plataforma Ceará Transparente também recebem denúncias por meio dos telefones 150, 3252-2155, 3252-1571 e 3252-1587. 

Em todo o Estado, a Ouvidoria Geral do SUS e Ministério da Saúde pode receber informações pelo número 136. Já o Ministério Público do Estado do Ceará deve ser contatado pelos números 127 ou 0800.28.11.553. A Polícia Militar pode ser chamada pelo número 190, da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), e pelo aplicativo 190 Ceará (disponível para Android e iOS).