Pentecoste decreta lockdown por quatro dias para combater avanço da Covid

A cidade é a quinta no Ceará a proibir a abertura de todas as atividades não essenciais

Imagem da igreja matriz do município cearense de Pentecoste tomada pelo Google Street View
Legenda: O decreto determina que templos religiosos, mesmo sendo classificados como serviços essenciais, não poderão abrir
Foto: reprodução/Google Street View

A Prefeitura de Pentecoste decretou lockdown no município entre os dias 5 e 8 de março para combater o avanço da pandemia da Covid-19. O decreto entrou em vigor nesta terça-feira (2). 



A cidade é a quinta no Ceará a proibir a abertura de todas as atividades não essenciais, além de PalhanoSanta Quitéria, MeruocaMombaça.  

O que pode abrir durante o lockdown em Pentecoste 

Durante os quatro dias apenas serviços essenciais poderão funcionar e em horários específicos. Os estabelecimentos liberados são:  

  • Serviços públicos essenciais, 24h; 
  • Farmácias, 24h; 
  • Hospitais e demais unidades de saúde e de serviços odontológicos e veterinárias de emergência, 24h; 
  • Laboratórios de análises clinicas relacionadas a COVID-19, 24h; 
  • Imprensa e meios de comunicação, 24h; 
  • Funerárias, 24h; 
  • Velórios limitados a 15 pessoas com duração de até 2h; 
  • Postos de combustíveis 24h;  
  • Supermercado poderão operar somente em regime de delivery e com portas fechadas das 7h até as 18h.  

Locais que não podem funcionar  

Templos religiosos não poderão abrir, pois, segundo o decreto, por serem ambientes fechados possuem "alto indicie de propagação" do novo coronavírus. As demais atividades não essenciais ficarão proibidas de funcionar durante o período.

As visitas a pacientes internados no Hospital e Maternidade Vale do Curu e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) foram suspensas. 

Restrição de circulação de pessoas

O documento ainda prevê "toque de recolher" pelo período de 72h, com início às 6h30 desta sexta-feira (5) até o mesmo horário da segunda-feira (8), com exceção para a função dos serviços de entrega, para o deslocamento das atividades essenciais ou em razão do exercício da advocacia em defesa da liberdade individual, ficando os responsáveis sujeitos a medidas de advertência e multa, conforme medida Estadual.  

Outras ações

Além de determinar o regime de lockdown, a partir do dia 5, o decreto ainda prevê medidas de controle do funcionamento de serviços para esta quarta-feira (3) e quinta-feira (4). Nesses dias, apenas algumas atividades essenciais podem operar 24h. São elas:  

  • Serviços públicos essenciais; 
  • Farmácias; 
  • Industria; 
  • Hospitais e demais unidades de saúde e de serviços odontológicos e veterinários de emergência; 
  • Laboratórios de análises clinicas; 
  • Imprensa e meios de comunicação; 
  • Funerárias;   

Já os supermercados e postos de combustíveis podem abrir das 6h às 19h. Os demais locais não essenciais podem funcionar das 7h às 17h. 

Nesses dias as regras de isolamento previstas pelo decreto estadual permanecem em vigor, entre elas o "toque de recolher" das 20h às 5h do dia seguinte. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará