Preços de jogos de videogame têm alta de até 28% neste fim de semana

Usuários se surpreendem com elevação não-uniforme dos valores de comercialização de títulos na PS Store, da Sony, neste domingo (27). Mudança afetou valores de lançamentos e também de jogos mais antigos no País

A economia segue instável no País, e não seria diferente no mercado de jogos eletrônicos. Neste domingo, a loja digital de games da Sony, a Playstation Store, apresentou uma alta ainda inexplicada de preços para diversos títulos e pacotes especiais, seja de lançamentos ou até de jogos um pouco mais antigos. A alta foi sentida por usuários, que relataram a flutuação, mas segue sem uma justificativa oficial da empresa. Essa é a segunda alta registrada na plataforma desde o começo de 2020. 

Lançado no último dia 4 de setembro, o jogo Marvel’s Avengers, por exemplo, teve uma alta de 28% e passou a custar R$ 319,90. Até ontem, a loja digital indicava o valor de revenda de R$ 249,90. O caso é ainda mais curioso pelo fato de que, com o aumento, a versão original do jogo é, agora, mais cara do que a versão especial, que concede alguns conteúdos extras ao jogador. 

Na loja da Sony, a edição de Luxo de Marvel’s Avengers pode ser encontrada por R$ 309,90. Um caso semelhante pode ser notado com o título The Last of Us Part II, que teve uma elevação de preço da edição de luxo, passando a custar R$ 384,50 nesse domingo ante os R$ 319,90 do último dia 17 de setembro. Nessa última data, o preço da versão original do jogo também havia ficado mais cara, passando de R$ 229,90 para R$ 279,90. 

Contudo, a lista de jogos que ficaram mais caros nesse domingo não encerra com esses dois títulos. 13 Sentinels: Aegis Rim, Control, Captain Tsubasa: Rise of New Champions, Sekiro: Shadows Die Twice, LittleBigPlanet 3, Call of Duty Modern Warfare, Injustice 2, Bloodstained: Ritual of The Night, e Code Vein completam a relação de games que sofreram alteração de preço ontem.

Mercado brasileiro

A alta de preços não foi sentida em todos mercados da Sony. Nos Estados Unidos, por exemplo, Sekiro: Shadows Die Twice continua sendo comercializado a US$ 60 dólares. Na cotação atual, em comparação com o real (R$ 5,554), o mesmo título tem um preço de R$ 333,24. Contudo, o título teve o valor de revenda atualizado de R$ 229,90 para R$ 274,50. 

Já o título Call of Duty Mordern Warfare, que é o último lançamento da franquia de guerra, passou pela mesma flutuação, sendo vendido a partir desse domingo por R$ 274,50. Curiosamente, agora, apesar da alta, o item ficou mais barato que o título antecessor (Call of Duty Black Ops 4), que passou dos R$ 229,9 para R$ 294,9. 

Explicação

A Sony foi procurada para explicar o aumento de preços, mas não respondeu até o fechamento desta edição. Contudo, na última vez em que foi registrado o encarecimento de jogos na PS Store, no dia 29 de janeiro deste ano, a empresa disse apenas que a alta era “devido às condições atuais de mercado”.

Há duas semanas, a Sony confirmou que está encerrando suas atividades do segmento de TVs, áudio e câmeras no Brasil. A empresa justificou a saída do País devido às condições do cenário internacional e às tendências esperadas para o mercado brasileiro. A interrupção das vendas dos produtos está prevista para meados de 2021, mas nada deve interferir na venda de PlayStation no Brasil. 

A Sony também anunciou o fechamento da sua fábrica em Manaus em março de 2021, mas continuará mantendo sua operação local para oferecer suporte ao consumidor para os produtos sob sua responsabilidade comercial. Os demais negócios do grupo Sony no Brasil, como Games, Soluções Profissionais, Sony Music e Sony Pictures, continuarão mantendo sua atuação no mercado brasileiro.

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios