Whindersson Nunes ironiza Felipe Neto em conflito virtual pelo Twitter

Jornalista esportivo entrou em confusão e xingou humorista piauiense

Escrito por Redação,

Zoeira
O humorista Whindersson Nunes e o youtuber Felipe Neto
Legenda: Conflito virtual de Whindersson Nunes e Felipe Neto começou na noite de quinta-feira (9) e seguiu até a manhã desta sexta-feira (10)
Foto: Reprodução/Instagram

O humorista Whindersson Nunes e youtuber Felipe Neto entraram em conflito virtual, na noite desta quinta-feira (9). A troca de farpas seguiu até a manhã desta sexta-feira (10).

A confusão no Twitter começou quando o piauense foi cobrado por um perfil para ajudar financeiramente o seu time de coração, o Vasco da Gama.

Whindersson Nunes

A ideia surgiu depois que os torcedores do BotafogoMarcelo Adnet e Felipe Neto fizeram uma grande doação para o time carioca e ajudaram a equipe a trazer um reforço para a Série B do Campeonato Brasileiro. Porém, Whindersson Nunes negou qualquer tipo de ajuda ao time cruzmaltino.

"Tô financiando uma pesquisa pra um motor adaptado pra motorizar qualquer tipo de cadeira de rodas, e um dispositivo que deixa uma mancha fluorescente nos buracos das estradas pra ninguém se acidentar à noite, já que não tapam os buracos. Não vou gastar nada com time, só torcer", respondeu em tweet Whindersson.

Após publicação de Whindersson, o jornalista esportivo José Passini entrou na conversa e acusou o humorista de não contribuir por ter sido traído. "Por isso tu é [sic] corno", escreveu e, em seguida, apagou: "Mas fica o registro do dia em que entramos na mente do homem que se negou a ajudar o Vasco da Gama".

O humorista, de imediato, rebateu dando a entender que iria processar o jornalista, quando Felipe Neto tomou o partido de Passini. "Quem quiser falar mal do Passini terá que me derrubar primeiro. Irmão, tu vai [sic] ter mais advogado que o Eike Batista", afirmou.

Felipe Neto e o financiamento do futebol

O youtuber Felipe Neto ainda argumentou que faz doações a institutos, ONGs, e, mesmo assim, consegue financiar o futebol. "Investi quase um milhão de reais na criação do Instituto VERO de educação digital. Criei o movimento 'Cala a boca já morreu', de apoio para pessoas perseguidas por opinião. E vou gastar em time, sim", declarou.

O piauiense comentou com ironia a fala de Felipe Neto. "Parabéns, é o próprio Jesus", brincou e  declarou que o youtuber tem o hábito de entrar em conflitos: "o cara dá um jeito de entrar em tudo".

Resposta de Whindersson Nunes para publicação de Felipe Neto
Legenda: Resposta de Whindersson Nunes para publicação de Felipe Neto
Foto: Reprodução/Twitter

Tweets de Whindersson Nunes sobre conflito com Felipe neto
Legenda: Tweets de Whindersson Nunes sobre conflito com Felipe neto
Foto: Reprodução/Twitter