Chá de alho: para que serve e como fazer

Bebida se tornou uma grande aliada do sistema imunológico e tem ações contra diversas doenças; entenda

Escrito por Matheus Facundo, matheus.facundo@svm.com.br

Ser Saúde
Dentes de alho e limão ao lado de xícara de chá de alho
Legenda: A bebida tem propriedades expectorantes contra gripes e resfriados, além de efeito anti-inflamatório
Foto: Shutterstock

Muito além de tempero essencial para comidas, o alho tem em suas propriedades funções que podem ajudar no tratamento de diversas doenças. Por isso, o chá de alho se tornou um grande aliado do sistema imunológico. 

A infusão da planta possui propriedades expectorantes, agindo no alívio de sintomas de gripes e resfriados e como coadjuvante no tratamento de doenças como bronquite e asma. 

Rico em compostos que ajudam a reduzir os radicais livres no corpo, o chá de alho ainda é benéfico contra doenças cardiovasculares. 

O Diário do Nordeste consultou uma nutricionista clínica e lista a seguir os principais benefícios e propriedades da bebida, além de dicas de como fazer o chá. Confira: 

Para que serve? 

O chá de alho possui propriedades anti-inflamatórias, que o fazem um aliado contra doenças como a aterosclerose, a diabetes, a hiperlipidemia, além de hipertensão leve e moderada e gripes. 

Dentes de alho ao lado de xícara de chá de alho
Legenda: Em sua composição, o alho possui substâncias que conferem ao chá um efeito redutor da pressão arterial
Foto: Shutterstock

De acordo com a nutricionista Ivelise Rodrigues*, o uso do alho por meio do extrato aquoso (chá) é rico em antioxidantes que previnem o acúmulo de epécies reativas de oxigênio no nosso corpo, responsáveis por causar danos aos órgãos.

Propriedades do chá de alho

A nutricionista Ivelise Rodrigues lista os principais compostos presentes no chá de alho: 

  • Aliina, 
  • Alicina, 
  • S-alil-cisteína, 
  • S-metilcisteína, 
  • Enxofre, 
  • Flavonoides, 
  • Zinco, 
  • Selênio 
  • Óleo volátil sulfuroso (responsável pelo seu odor forte)

Quais os benefícios do chá de alho?

O chá de alho detém uma gama extensa de benefícios a curto, médio e longo prazos, que sempre devem ser observados e medidos com o auxílio de médicos ou nutricionistas. 

Principais efeitos benéficos: 

  • Expectorante contra gripes e resfriados
  • Anti-inflamatório;
  • Diurético, auxiliando na retenção de líquidos;
  • Antiespasmódicos, reduzindo a pressão dentro dos vasos sanguíneos. Essa propriedade é a responsável pela redução da pressão arterial;
  • Anti-hepatotóxicos, ajudando na prevenção do acúmulo de substâncias tóxicas no fígado;
  • Antimicrobiano, antibactericida e antifúngico.

Benefícios para o coração 

Em sua composição, o alho possui substâncias que conferem ao chá um efeito redutor da pressão arterial. Isso se dá, de acordo com Ivelise Rodrigues, pelo efeito espasmódico (relaxamento) dele nos vasos sanguíneos.

O chá de alho possui ainda ação antioxidante, prevenindo o acúmulo e a ação de radicais livres nos vasos sanguíneos.

Sistema imunológico

Por conta da alicina presente na planta, o uso do chá oferece uma maior proteção no organismo, aumentando as defesas do sistema imunológico. 

Chá de alho
Legenda: Bebida pode auxiliar no combate a doenças como bronquite e asma.
Foto: Shutterstock

Conforme a nutricionista, a bebida é considerada um "imunoestimulante natural", que é responsável por auxiliar a combater diversos agentes que causam doenças, como bactérias e fungos, além de prevenir danos aos órgãos. 

Diminui o colesterol?

O chá de alho pode ajudar a reduzir o colesterol. De acordo com estudos, a alicina, mesma que reduz a pressão arterial, auxilia na redução do colesterol total e/ou LDL — popularmente chamado "colesterol ruim". 

A redução é em cerca de 10% a 15%. Além disso, a infusão pode atuar reduzindo o acúmulo de gordura nos vasos sanguíneos e, consequentemente, diminuindo o risco de desenvolvimento da aterosclerose, uma doença ocasionada pela formação de placas de gordura nas artérias. 

"Vale salientar que o uso de substâncias com efeitos positivos na saúde, como o alho, não deve substituir a medicação prescrita. As substâncias podem agir apenas como coadjuvantes no tratamento", alerta a nutricionista clínica Ivelise Rodrigues. 

Tosse e febre 

Apesar de não ser oficialmente comprovado que o chá de alho reduz tosse e febre, ele possui, sim, propriedades anti-inflamatórias e é amplamente utilizado para aliviar os sintomas de gripes e resfriados, que incluem febre e tosse. 

O alerta, no entanto, é que o chá não deve ser tomado isoladamente como meio de combate à febre alta e tosse persistente. 

Chá de alho emagrece?

Sozinho o chá de alho não emagrece. Ivelise Rodrigues alerta que o efeito diurético da bebida pode dar a falsa sensação de emagrecimento por causa da redução da retenção de líquidos corporais.

Esse fator, consequentemente, pode acarretar na perda de alguns quilos, mas o chá de alho não é indicado especificamente para quem quer emagrecer. 

Tratamento da diabetes?

Ivelise Rodrigues compartilha uma curiosidade sobre o chá de alho na atuação contra a diabetes. Há estudos sendo feitos a fim de confirmar que o efeito hipoglicemiante do alho em humanos pode, futuramente, beneficiar pacientes diabéticos em tratamento medicamentoso.

Por enquanto, o que se sabe, baseado nos artigos existentes, é que as substâncias presentes no alho produziram um efeito positivo, reduzindo a glicemia. 

Como fazer o chá de alho?

Chá de alho com limão

Ingredientes

- 1 limão
- 3 dentes de alho
- 1 xícara de chá de água (200mL)

Modo de preparo:

  1. Corte o limão em 4 partes.
  2. Em uma panela, coloque o alho, o limão e a água e leve ao fogo médio.
  3. Assim que começar a ferver, conte cerca de 3 minutos.
  4. Retire do fogo, amasse o limão, mexa bem. Coe e sirva.

Chá de alho com mel

Ingredientes

- 3 dentes de alho
- 1 xícara de chá de água (200mL)
- 1 colher de sobremesa de mel

Modo de preparo:

  1. Em uma panela, coloque o alho e a água e leve ao fogo médio.
  2. Assim que começar a ferver, conte por cerca de 3 minutos.
  3. Retire do fogo, coe, adicione o mel e mexa bem.

*Ivelise Rodrigues Cunha é graduada em Nutrição pela Universidade de Fortaleza (UNIFOR) e pós-graduanda em Nutrição Clínica Funcional pelo Centro de Nutrição Funcional - VP. Atua em consultórios com Nutrição Clínica. Instagram: @ivelisenutri