Homem mais procurado de Caucaia é preso nesta quinta-feira (2)

Ele é apontado como líder de facção criminosa na Região Metropolitana de Fortaleza, e suspeito de participação em mais de 20 homicídios

Escrito por Redação,

Segurança
Assassinato em Caucaia
Legenda: Foi preso o criminoso mais procurado da Caucaia
Foto: Rafaela Duarte

Foi preso na tarde desta quinta-feira (2) pela Polícia Militar o criminoso considerado o mais procurado da Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. Jurandir de Oliveira Campos Filho, de 23 anos, é apontado como líder de uma facção criminosa e foi encontrado em um sítio na divisa com São Gonçalo do Amarante. Ele era procurado há cerca de um ano.

Segundo o tenente-coronel Hideraldo Bellini, comandante do 12º BPM, Jurandir é suspeito de participação em mais de 20 homicídios na região. Dentre eles, o de duas irmãs, assassinadas a tiros na frente dos pais, em julho deste ano, no distrito de Sítios Novos, em Caucaia. 

Conhecido como “Didi da Catuana”, ele tem passagens por tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo. Conforme investigação da Polícia Civil do Ceará (PC-CE), Jurandir seria responsável pela comercialização de entorpecentes e crimes nos bairros de Catuana e Sítios Novos, em Caucaia.

Operação Anullare

O suspeito foi preso preventivamente por conta de mandado expedido pela Justiça no âmbito da Operação Anullare, da Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas (Draco).

Ele integra um grupo criminoso ligado à Valeska Pereira Monteiro, conhecida como Majestade, que foi alvo de 813 mandados judiciais de prisão e busca e apreensão no mês de novembro. 

Jurandir foi conduzido para a Delegacia Metropolitana de Caucaia (DMC), onde o mandado em desfavor dele foi cumprido. A PC-CE segue apurando o envolvimento dele em crimes de homicídios na região.