Três cidades no Ceará escolhem prefeitos neste domingo; acompanhe

Candidatos e aliados se mobilizam em pleito que reúne quase 70 mil eleitores cearenses em três municípios

urna de votação
Legenda: Eleições suplementares acontecem neste domingo, em três cidades do Ceará
Foto: Fabiane de Paula

Reunindo 69.012 eleitores e efetivo de mais de duas mil pessoas, entre mesários, servidores, auxiliares, delegados, magistrados, promotores e profissionais de segurança, as eleições suplementares em Pedra Branca, Missão Velha e Martinópole movimentam este domingo (1º) nos três municípos cearenses, mobilizando candidatos e aliados.

Até o início desta tarde, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) não registrou nenhuma intercorrência no processo de votação nas três cidades. A Polícia Federal também acompanha o pleito, que se mantém sem ocorrências.

No sábado (31), o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), desembargador Inácio de Alencar Cortez Neto, reuniu-se, com integrantes da Polícia Federal (PF) e da Polícia Militar (PM) que atuarão em Missão Velha, na região do Cariri.

Missão Velha

Pouco depois da abertura das seções de votação, Dr. Lorim (PDT), postulante a prefeito, postou mensagem aos eleitores, ao lado da urna eletrônica. "A democracia é a esperança de todo cidadão", escreveu.

O deputado estadual Osmar Baquit (PDT) e o presidente estadual do PSD, Domingos Filho, foram ao município caririense reforçar o apoio neste domingo.

O candidato conta com o apoio do comando pedetista no Estado, tendo recebido, durante a campanha, suporte do vice-presidente nacional da sigla, Ciro Gomes, assim como do presidente estadual, o deputado federal André Figueiredo. 

A eleição em Missão Velha promete ser uma das mais disputadas entre os pleitos deste domingo. Do outro lado, está a candidata Fitinha (PT), indicada pelo ex-prefeito Dr. Washington (MDB), impedido de assumir no início do ano pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Durante o mês de campanha, Fitinha contou com o ex-presidente Lula como cabo eleitoral. Neste domingo (1º), o deputado federal José Guimarães (PT) e o presidente estadual do PT, Antônio Filho, estiveram ao lado da candidata durante a votação. 

Martinópole

Em Martinópole, região Norte do Estado, o candidato do PP, Betão, que é prefeito interino do município, votou às 11h no distrito de Boa Vista. Ele tenta se manter no comando da Prefeitura após o indeferimento da candidatura de James Bel, que é aliado dele.

Betão de James Bel vota nas eleições suplementares em Martinópole
Legenda: Por volta de 11h, o candidato do PP, Betão, registrou seu voto em Martinópole
Foto: Maristela Gláucia

A comitiva de apoio à candidatura envolve líderes em nível estadual como o deputado estadual Sérgio Aguiar (PDT), que usou as redes sociais para registrar a parceria.

 

Zezinho Albuquerque (PDT), deputado estadual licenciado e secretário estadual das Cidades, e o deputado federal Moses Rodrigues (MDB) também estiveram no município.

Do outro lado, está o ex-prefeito do município, Júnior Fontenele (PL). Derrotado nas urnas em novembro pelo eleito e cassado James Bel (PP), ele volta a disputar a preferência dos 9.347 eleitores do município.

Ex-prefeito Júnior Fontinele no dia da votação suplementar
Legenda: Ex-prefeito de Martinópole, Júnior Fontenele tenta voltar ao comando do município na eleição suplementar

"Já estamos em Martinópole com 22 na cabeça e no coração, pra logo mais as 17h ser confirmado Júnior Fontenele prefeito do município. Martinópole hoje acordou com a vontade de crescer, se desenvolver, de paz, amor", escreveu o deputado Romeu Aldigueri, apoiador do candidato, que também foi acompanhar o pleito presencialmente.

O deputado federal Robério Monteiro (PDT) também esteve em Martinópole, posando ao lado do candidato Júnior Fontenele e aliados no sábado.

Em uma das fotos, é possível ver uma aglomeração de apoiadores, vários sem máscara. Assim como no ano passado, as eleições suplementares devem seguir normas de distanciamento estabelecidas pela Justiça Eleitoral.

Pedra Branca

Em Pedra Branca, no Sertão Central, o dia de votação ocorre também sem ocorrências significativas. O candidato Matheus Góis (PSD), filho do prefeito eleito, mas afastado do cargo, Antônio Góis (PSD), votou ainda cedo, cerca das 8h30.

Candidato Matheus Gois vota em Pedra Branca
Legenda: Matheus Gois (PSD) é filho do prefeito eleito, mas impedido de assumir, Antônio Gois

Padre Antônio (PDT), aliado do prefeito interino e presidente da Câmara, Rogério Curdulino (Solidariedade), que chegou a anunciar candidatura, mas renunciou à disputa, também já registrou o seu voto. Pela manhã, Padre Antônio participou de uma missa no Município antes de votar. 

Candidato do PDT, Padre Antônio, registra o voto em Pedra Branca
Legenda: Candidato do PDT, Padre Antônio, registra o voto em Pedra Branca

Casos de inelegibilidade

Nos três municípios, os candidatos eleitos no ano passado tiveram o registro de candidatura cassado por decisões da Justiça Eleitoral. Em Pedra Branca, Antônio Góis foi considerado inelegível por ter renunciado ao cargo de prefeito em 2019, para evitar processo de cassação instaurado pelo Legislativo municipal por improbidade administrativa. A ação foi interpretada pelo TSE como uma manobra para que ele se mantivesse elegível já no ano seguinte.

Em Martinópole, James Bel, impedido de assumir devido a condenação por abandono de emprego público como professor da rede municipal, tentou emplacar nova candidatura amparado por recursos judiciais, mas, há uma semana, acabou desistindo de recorrer da última decisão desfavorável e ficou de fora da disputa direta pela Prefeitura.

Já em Missão Velha, Dr. Washington, ex-prefeito entre 2009 e 2012, teve contas de gestão reprovadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que apontou irregularidades na execução de um convênio com o Governo Federal.

Candidatos por cidade e número de eleitores

Martinópole:

Betão Souza (PP)
Júnior Fontenele (PL)

Eleitores: 9.316

Missão Velha 

Dr. Lorim (PDT)
Fitinha (PT)

Eleitores: 27.616

Pedra Branca

Matheus Gois (PSD)
Padre Antonio (PDT)

Eleitores: 32.321

Fonte: TSE