Saiba quais são as plantas ideais para apartamento

Além do charme na decoração, ganha-se com a vitalidade no ambiente

Patrycia
Legenda: Patrycia Rodrigues se considera uma jardineira curiosa
Foto: Kid Jr

Com ou sem habilidade para cuidar de plantas, quase todo mundo quer ter um cantinho mais verde em casa, especialmente depois do isolamento e/ou distanciamento social a que fomos submetidos na pandemia de Covid-19. Mais do que decoração - uma possibilidade há muito explorada pelos designers de interiores -, a aposta nas plantinhas é fôlego de vida que buscamos nos poucos metros quadrados de apartamentos, e o investimento tem dado certo.

Pelo menos é o que compartilha a artista visual e jardineira curiosa Patrycia Rodrigues Martins, 29 anos. Ela começou a trabalhar com isso ainda no primeiro trimestre de 2019, por insistência do pai, que já estava investindo em uma loja com esse viés. 

“Em casa comecei a plantar algumas coisas, como manjericão, pimenta e cactos. Tenho que confessar que comecei a trabalhar meio desgostosa, sabe?! Porque pra mim era mais um hobby, uma distração, mas me apaixonei com o tempo. O universo botânico é encantador e tem me ensinado muito sobre os processos da vida, paciência e tolerância”, admite.
Patrycia Rodrigues
Jardineira

plantas Patrycia
Legenda: Plantas proporcionam decoração e bem-estar ao ambiente
Foto: Kid Jr

Daí para uma mediação super bem-sucedida na pandemia foi fácil. Segundo Patrycia, a busca dos jardineiros de primeira viagem normalmente é por hortaliças, ervas medicinais e algumas frutíferas. Mas as ornamentais e, principalmente, as consideradas de proteção espiritual, como as tradicionais espada-de-São Jorge e comigo-ninguém-pode, ganharam destaque nesse período. 

comigo-ninguém-pode
Legenda: Apesar de clássica, a comigo-ninguém-pode é bastante tóxica para pets
Foto: Patrycia Rodrigues

“Além dessas, a procura por arruda, pimenteiras, samambaias e jibóias também cresceu consideravelmente”, enumera.

Cuidados antes de começar

Mas antes de sair adquirindo tudo que vê pela frente, na ânsia de tornar a vida no apartamento mais agradável, é importante estudar um pouco mais sobre o assunto. Para iniciar o cultivo de plantas nesse tipo de moradia, segundo Patrycia, primeiro é necessário analisar honestamente o espaço e a iluminação natural do ambiente. E o mais importante: verificar a sua disponibilidade para cuidar desse ser vivo. 

Sim, porque tal como um pet, elas também precisam de cuidados. Aliás, se você tem algum animal de estimação, é importante atentar para uma convivência harmoniosa entre todos.

gergelim
Legenda: Gergelim é "petfriendly"
Foto: samthong school por Pixabay

“Além de escolher plantas que não sejam tóxicas, é dificultar o acesso dos pets às plantas, com a ajuda de suportes ou banquinhos. Outra opção é fazer o cultivo de plantas que possam ser comestíveis, como gergelim ou milho de pipoca, assim os bichinhos terão uma opção pra ‘atacar’ quando sentirem a necessidade de comer umas plantinhas”, orienta.
Patrycia Rodrigues
Jardineira

Plantas ideais

No quesito iluminação natural, a maioria dos apartamentos acaba não se enquadrando tanto, por isso as melhores plantas para esse tipo de ambiente, de acordo com Patrycia, são as classificadas como plantas de sombra.

Begônias
Legenda: Begônias se adaptam bem às sombras
Foto: Patrycia Rodrigues

“E aqui preciso lembrar que sombra não é escuridão! Existem espécies que, na natureza, vivem em climas mais úmidos e com luz filtrada pelas copas das árvores maiores. Alguns grupos como as aglaonemas e begônias possuem uma grande variedade de cores e formatos de folha”, indica.

Aglaonemas
Legenda: Aglaonemas tem grande variedade de cores e formatos
Foto: Patrycia Rodrigues

A jardineira afirma ainda que as clássicas e atemporais comigo-ninguém-pode, espada-de-São-Jorge, antúrios, jibóias e samambaias também são ótimas opções, mas necessitam um pouco mais de atenção, pois as quatro primeiras são bastante tóxicas, já as samambaias não gostam de ambientes muito ventilados.

Antúrios
Legenda: Antúrios vão bem em arranjos ornamentais
Foto: Patrycia Rodrigues

“A zamioculca é aquela que não pode faltar em nenhum apartamento, uma ótima opção para os jardineiros de primeira viagem por ser bastante resistente e necessitar de baixa manutenção. Ela se adapta bem até a ambientes mais escuros, onde outras não resistem, como o banheiro, por exemplo”, acrescenta.
Patrycia Rodrigues
Jardineira

zamioculca
Legenda: A zamioculca é perfeita para quem está começando
Foto: Jürgen Diermaier por Pixabay

Já as bromélias, orquídeas e lírios da paz são plantas mais delicadas e que necessitam de mais cuidado e atenção. Mas se você já é experiente neste ramo, podem cair bem em suas mãos! 

orquídea
Legenda: A orquídea exige um pouco mais de "dedo verde"
Foto: Maja Cvetojević por Pixabay

Ah, e não importa se a aventura vai começar ou continuar, nunca deixe de tirar todas as dúvidas com os especialistas no assunto na hora de adquirir, ok? A natureza agradece!

mão de mulher põe água nas plantas
Legenda: Cada planta tem uma especificidade no que diz respeito à quantidade de água e iluminação
Foto: Kid Jr

Serviço

Jardineira Montese: @jardineria_montese


Assuntos Relacionados