Gatos pretos: entenda o estigma que leva sofrimento a estes animais até hoje

Felinos ainda sofrem com crenças medievais, que os expõem a maus-tratos e até a morte

Gato preto
Legenda: A reputação negativa dos gatos pretos surgiu ainda na Idade Média, quando a cor escura do pelo dos gatos era associada às trevas
Foto: Reprodução

A cada nova sexta-feira que coincide com o dia 13 do mês, o cuidado com gatos pretos deve ser redobrado. Vítimas de superstições antigas, felinos com essa coloração costumam sofrer perseguição e maus-tratos até hoje, motivados por preconceito e ignorância.

A reputação negativa surgiu ainda na Idade Média, quando a cor escura do pelo dos gatos era associada às trevas. Existia um forte mito de que estes animais eram, na verdade, bruxas disfarçadas. Daí então a crença que se perdura por gerações que cruzar com um gato preto é sinal de azar.

A crendice causa prejuízos aos gatos até os dias atuais. Segundo pesquisa da ONG britânica Cats Protection, há não muito tempo, gatos pretos demoravam, em média, sete dias a mais para serem adotados em comparação com felinos de outras cores. 

Em combate ao estigma, a entidade criou em 27 de outubro de 2011 o Dia do Gato Preto, celebrado anualmente desde então. Para ajudar na conscientização, a ONG estimula que tutores de felinos postem fotos deles com a tag #BlackCatDay, destacando suas qualidades.

"Gatos pretos e pretos e brancos agora passam menos tempo sob nossos cuidados do que quando começamos a promover a campanha, resultando em milhares de gatos e donos felizes", destaca a organização em sua página na internet.

Alerta nas doações

Infelizmente, o preconceito sobre estes animais perdura, e muitos, inclusive, ainda são mortos em rituais macabros. Por isso, ONGs e instituições de proteção animal recomendam que gatos de cor preta não sejam doados em datas como sexta-feira (13) ou Dia das Bruxas (Halloween).

O alerta também vale para quem já possui um gatinho com a coloração negra, não deixando que eles acessem às ruas nesses períodos ou em dias próximos a essas datas.

Lembrando, também, que qualquer ato de violência contra um animal é crime, conforme a Lei Federal 9605. Portanto, se você presenciar atos dessa natureza, denuncie.