Palavras 'feminicídio' e 'home office' são acrescentadas em vocabulário da Língua Portuguesa

Atualização foi feita pela Academia Brasileira de Letras, 12 anos após a última realizada

Legenda: Ao todo, mil entradas foram adicionadas no vocabulário
Foto: Shutterstock

As palavras 'feminicídio', 'sororidade', home office' e 'lockdown' estão oficialmente inclusas no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (Volp). A atualização aconteceu ainda na semana passada, 12 anos após a última, em 2009, feita pela Academia Brasileira de Letras (ABL). 

Ao todo, mil entradas novas foram incluídas no vocabulário, deixando a 6ª edição do Volp com o total de 382 mil entradas. Além delas, palavras como 'home office'  e 'pós-verdade' também foram adicionadas.

Outras palavras também chamaram a atenção, justamente pelo contexto social vivido atualmente. Em relação à pandemia, por exemplo, o nome da doença, 'Covid-19', também foi acrescentado à relação.

Segundo a Academia, os acréscimos no vocabulário são feitos com a origem de novos termos vindos dos campos científico e tecnológico. 

Mesmo sem atualização nesse período, a ABL já estava reunindo vocábulos de textos literários, científicos e jornalísticos. A atualização, portanto, foi necessária por conta das mudanças na sociedade e na língua.

Veja o significado das palavras conforme o Volp:

Feminicídio

Delito de homicídio praticado contra mulher decorrente de violência doméstica ou familiar e/ou por motivo de menosprezo ou discriminação de gênero. No Brasil, há até lei para o crime, a qual foi sancionada em 2015.

Lockdown

Refere-se ao bloqueio total de uma região, imposto pelo Estado ou pela Justiça. É a medida mais rígida adotada durante situações extremas como uma pandemia.

Home office

No Brasil, quer dizer trabalhar de casa. A expressão no idioma inglês seria o equivalente a "work from home". Literalmente, em inglês, "home office" significa "escritório de casa". 

Pós-verdade

Informação ou asserção que distorce deliberadamente a verdade, ou algo real, caracterizada pelo forte apelo à emoção, e que, tomando como base crenças difundidas em detrimento de fatos apurados, tende a ser aceita como verdadeira, influenciando a opinião pública e comportamentos sociais. Também pode ser um contexto em que asserções, informações ou notícias verossímeis, caracterizadas pelo forte apelo à emoção e baseadas em crenças pessoais, ganham destaque, sobretudo social e político, como se fossem fatos comprovados ou a verdade objetiva.

Sororidade

Sentimento de irmandade, empatia, solidariedade e união entre as mulheres, por compartilharem uma identidade de gênero; conduta ou atitude que reflete este sentimento, especialmente em oposição a todas as formas de exclusão, opressão e violência contra as mulheres.

Quero receber conteúdos exclusivos do EducaLab

Assuntos Relacionados