Oficial da PM é afastado da Ciopaer após utilizar aeronave para acenar para companheira

A SSPDS e a CGD abriram investigações administrativas para apurar o caso

Um oficial da Polícia Militar do Ceará (PMCE) foi afastado da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas do Ceará (Ciopaer) após utilizar uma aeronave do Órgão para acenar para a companheira, também policial militar. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e a Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Ceará (CGD) investigam o caso.

Um vídeo recebido pelo Diário do Nordeste mostra a mulher emocionada pelo fato do companheiro sobrevoar a residência dela. A policial publicou a imagem em seu perfil na rede social Instagram, mas, devido a repercussão negativa entre a tropa policial, ela apagou o conteúdo.

Fontes ligadas à SSPDS afirmaram à reportagem que o voo foi feito durante uma aula de instrução a novos integrantes da Ciopaer, na última terça-feira (20). Outros três policiais estariam dentro do helicóptero. Após o fato, o oficial já teria sido chamado por superiores para prestar esclarecimentos.

A Secretaria da Segurança Pública confirmou, em nota, o afastamento do servidor das funções na Ciopaer e informou que determinou, ainda na terça (20), "instauração imediata de sindicância para apurar rigorosamente a suspeita do uso de uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) para fins pessoais".

A SSPDS ressalta que não compactua nem permite qualquer tipo de desvio de conduta de seus servidores e preza pela eficiência dos serviços prestados à sociedade cearense.
SSPDS
Em nota

"O caso será comunicado formalmente à Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD) para que sejam adotadas as providências", completa.

A Controladoria também confirmou, por nota, que já investiga o caso: "A Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD) informa que instaurou imediatamente procedimento disciplinar para a devida apuração do caso na seara administrativa, estando este, atualmente, em trâmite".

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança