Com atenção voltada para a cena política, dólar sobe e encerra a R$ 3,25

Dados sobre o mercado de trabalho dos EUA mantiveram moeda norte-americana operando em baixa; dólar inverteu o cenário durante a sessão e subiu 0,24%

Escrito por Redação Diário do Nordeste,

Negócios

Após operar em baixa em grande parte do pregão diante dos dados sobre o mercado de trabalho dos EUA, o dólar subiu e encerrou o dia em alta de 0,24%, vendido a R$ 3,2546. Internamente, o cenário político instável levou os investidores a continuarem cautelosos.

A moeda norte-americana chegou a marcar R$ 3,2202 na mínima e R$ 3,2596 na máxima da sessão de hoje. Com o resultado desta sexta, o dólar acumula baixa de 0,33% na semana.

O dólar futuro operava praticamente estável nesta tarde. O Banco Central do Brasil não anunciou novas intervenções no mercado de câmbio. No mês que vem, vencem US$ 6,939 bilhões em swap cambial tradicional, que equivalem à venda futura de dólares.


Mario Mesquita

Comércio exterior do Nordeste

Mario Mesquita
26 de Maio de 2022