SMS finaliza investigação e identifica três envolvidos em vacinação de Safadão e Thyane Dantas

Caso segue em apuração no âmbito policial e pelo MPCE

Casal no dia da vacinação
Legenda: Casal Wesley Safadão e Thyane Dantas é investigado por irregularidades em vacinação
Foto: Reprodução / Instagram

Dois funcionários terceirizados e uma servidora do município de Fortaleza são apontados por "irregularidade funcional" no caso da vacinação da influenciadora Thyane Dantas, esposa do cantor Wesley Safadão. A Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza (SMS) divulgou a informação no Diário Oficial do Município nº 17.137, de 6 de setembro de 2021.

A polêmica começou após o Wesley Safadão ser imunizado fora do local estabelecido pelo poder municipal, enquanto a influenciadora digital recebeu dose única da vacina de forma antecipada em 8 de julho — fora da faixa etária estabelecida na época.

"Foi constatada a ocorrência de irregularidade funcional por parte de três colaboradores, sendo uma servidora pública, que terá um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) instaurado, e dois terceirizados devolvidos para a empresa contratante", confirmou a SMS em nota ao Diário do Nordeste. Segundo a Pasta, as duas funcionárias terceirizadas foram devolvidas para a empresa de origem e não prestam mais serviços para a Prefeitura. 

Despacho publicado sobre o caso no Diário Oficial
Legenda: Despacho publicado sobre o caso no Diário Oficial
Foto: Reprodução/Diário Oficial do Munícipio de Fortaleza

Ainda conforme o órgão municipal de saúde, os fatos apurados foram encaminhados aos órgãos ministeriais e policiais para a apuração de possíveis práticas em desacordo com o Código Penal Brasileiro.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de Wesley Safadão que informou que o cantor não irá se pronunciar sobre o assunto.

Delegacia de Combate à Corrupção investiga caso

Em 15 de julho, o casal Wesley Safadão e Thyane Dantas virou alvo de inquérito policial da Delegacia de Combate a Corrupção (Decor).

Além deles, Sabrina Tavares Brandão, produtora do cantor, que se vacinou no mesmo dia e local do cantor, também entrou na apuração do caso.

Veja momento da vacinação:

Casal, produtora e profissionais da saúde foram ouvidos em inquérito policial.

MPCE segue com Procedimento Investigatório Criminal

O processo de vacinação contra a Covid-19 da influencer Thyane Dantas, do cantor Wesley Safadão e da produtora do artista, Sabrina Tavares, também segue em apuração pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE).

Segundo o MPCE, 11 pessoas foram ouvidas nos dias 12 e 18 de agosto, incluindo os três envolvidos no caso e alguns servidores públicos de Fortaleza. 

No dia 26 de agosto, o Grupo de Trabalho Covid-19 — formado por promotores de Justiça — duas outras testemunhas foram agendadas para serem ouvidas, incluindo um representante do Instituto de Pesos e Medidas de Fortaleza (Ipem-Fort).

 
Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza