Ceará é o 2º estado do Brasil que mais aplica as vacinas contra a Covid-19 disponíveis

O Estado fica atrás somente de São Paulo, segundo os dados do Consórcio de Imprensa

Escrito por Bruna Damasceno, bruna.damasceno@svm.com.br

Metro
vacina
Legenda: No Sistema Único de Saúde (SUS) tem inúmeras estratégias para lidar com essa necessidade da imunização massiva
Foto: Camila Lima

O Ceará é o segundo estado brasileiro que mais aplicou as doses disponíveis de vacinas contra a Covid-19. Já foi utilizado 77,34% do estoque. Os dados são do Consórcio de Imprensa e foram atualizados às 20h20 desta quarta-feira (24). 

São Paulo é o primeiro no ranking, com 87,08% das doses aplicadas.

No Ceará, somam-se 992.400 doses recebidas. Desse total, 767.505 foram aplicadas nos primeiros grupos prioritários da campanha, iniciada em 18 de janeiro último. 

Depois do Ceará, Distrito Federal (75,85%), Mato Grosso do Sul (74,92%) e Bahia figuram com os maiores percentuais de utilização, pelo Consórcio de Imprensa. 

O secretário da Casa Civil do Estado, Chagas Vieira, explica que a continuidade da imunização depende da chegada de mais vacinas para acelerar o ritmo, mas pondera que o número demonstra a eficiência do Estado na aplicabilidade. 

“O Ceará vem aplicando conforme o que está previsto no Plano Nacional de Imunização (PNI). A quantidade ainda é pequena, mas, para ser maior, precisa do envio de novas doses”, aponta. 

“A vacinação é de responsabilidade de cada município, mas a Secretaria de Saúde (Sesa) ajuda na coordenação de distribuição e eles têm conseguido um bom resultado”, complementa. 

Veja o ranking no Brasil (cálculo considera o estoque disponível, que é proporcional a cada estado)

  1. São Paulo    87,08%
  2. Ceará     77,34%
  3. Distrito Federal    75,85%
  4. Mato Grosso do Sul    74,92%
  5. Bahia    70,51%
  6. Santa Catarina    65,23%
  7. Rio Grande do Norte    64,63%
  8. Amazonas    64,6%
  9. Paraíba    62,71%
  10. Pernambuco    62,59%
  11. Amapá    60,58%
  12. Rondônia    59,74%
  13. Sergipe    59,22%
  14. Espírito Santo    58,47%
  15. Goiás    57,6%
  16. Rio Grande do Sul    57,48%
  17. Paraná    55,91%
  18. Alagoas    55,43%
  19. Mato Grosso   51,46%
  20. Piauí    51,22%
  21. Tocantins    49,9%
  22. Minas Gerais    47,63%
  23. Maranhão    46,88%
  24. Rio de Janeiro    44,39%
  25. Pará    43,9%
  26. Roraima    41,48%
  27. Acre    38,74%

Dados da Secretaria da Saúde

Pelos dados da Secretaria de Saúde do Ceará, porém, o Estado já recebeu mais doses que o listado pelo Consórcio: 1.175.250 vacinas em 10 lotes. O total inclui o estoque de segurança, entre CoronaVac e Astrazeneca/Oxford. Desse total, 1.147.694 doses foram distribuídas aos municípios.

Os números são diariamente atualizados no Vacinômetro.

Ainda conforme a Sesa, o restante (27.556) foi destinado à reserva técnica, conforme determinação do Ministério da Saúde. Das doses disponíveis, 767.505 foram aplicados nos primeiros grupos prioritários da campanha, iniciada em 18 de janeiro último.