BNB disponibiliza R$ 10 milhões para o P-Fies em 2021; solicitações já podem ser feitas

As solicitações para o financiamento foram liberadas nessa segunda-feira (25)

estudos
Legenda: O programa atende estudantes de nível superior regularmente matriculados em instituições privadas
Foto: Shutterstock

Com R$ 10 milhões disponíveis para o Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies), o Banco do Nordeste (BNB) começou a receber solicitações de crédito dos interessados nessa segunda-feira (25). O empréstimo cobre até 100% do valor da mensalidade e pode ser solicitado em qualquer época do ano, por meio do portal do BNB, dispensando o deslocamento a agências.

O programa atende estudantes de nível superior regularmente matriculados em cursos de graduação não gratuitos de instituições de ensino conveniadas que tenham sido avaliados pelo Ministério da Educação (MEC). Para ser elegível, é necessário ter participado de pelo menos uma edição do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), a partir de 2010, ter obtido média das notas das provas igual ou superior a 450 pontos e maior que zero na redação.

Além dos juros baixos, outra vantagem do financiamento do P-Fies é o prazo de pagamento com até três vezes o tempo de duração do curso, durante o qual o pagamento mensal será de 35% do valor da mensalidade mais os juros. Os recursos são oriundos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), administrado pelo Banco do Nordeste. Em 2020, o Banco do Nordeste contratou R$ 11,73 milhões com o P-Fies.

A diferença entre Fies e P-Fies

Programa do MEC direcionado a estudantes universitários de baixa renda, o Fies foi criado para financiar cursos presenciais em instituições particulares de educação superior.

A renda mensal familiar per capta é a soma total da renda bruta no mês de todos aqueles que compõem a família, dividida pelo número de seus integrantes.

No caso do Fies, os juros do financiamento são de zero por cento. O P-Fies, em contrapartida, possui juros variáveis e está voltado a pessoas com renda mensal familiar per capta de até cinco salários mínimos.

O Fies é um programa do MEC, instituído pela Lei nº 10.260, de 12 de julho de 2001, que tem como objetivo conceder financiamento com juros zero a estudantes em cursos superiores não gratuitos, com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo ministério e ofertados por instituições de educação superior não gratuitas vinculadas ao programa.

O P-Fies é idêntico ao Fies, com exceção das condições de concessão do financiamento, que serão definidas entre o agente financeiro operador do crédito (banco), a instituição de ensino superior e o estudante.

Quero receber conteúdos exclusivos do EducaLab

Assuntos Relacionados