Até 7 de julho reforma será votada no plenário da Câmara, diz Joice Hasselmann

Ela admitiu que o governo ainda não conseguiu os 308 votos necessários entre os deputados para aprovar o texto, mas disse que falar disso agora "é bobagem"