Madeleine pode ter sido atacada por agressor que fez mais vítimas

Polícias britânica e portuguesa investigam uma série de casos entre 2004 e 2010

A polícia britânica disse na última terça-feira (22) que a garota Madeleine McCann, que desapareceu numa praia do Algarve, em Portugal, em 2007, pode ter sido uma das vítimas de uma série de agressões sexuais contra crianças britânicas em Portugal provavelmente realizadas por um único criminoso. Os ataques ocorreram no mesmo período em que ela desapareceu. 

As polícias britânica e portuguesa investigam uma série de casos de abuso sexual ou tentativas de agressão sexual contra crianças britânicas entre 2004 e 2010. 

Madeleine sumiu aos três anos, quando dormia em seu quarto num resort e seus pais jantavam em um restaurante.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo