Recolhimento do Losartana: veja lotes do remédio que podem conter substâncias associadas ao câncer

A empresa informou que a retirada do produto é uma "medida de precaução devido à presença de impurezas mutagênicas nos produtos"

Escrito por Redação,

Ser Saúde
Losartana, remédio para pressão arterial
Legenda: A farmacêutica alerta sobre a interrupção abrupta do tratamento
Foto: Divulgação

Na última quarta-feira (9), a farmacêutica Sanofi Medley anunciou o recolhimento voluntário e preventivo de todos os lotes do Losartana, um dos remédios mais usados para o tratamento de pressão alta (hipertensão arterial).

Em nota enviada ao Diário do Nordeste, o laboratório Sanofi Medley informou que o recolhimento do remédio acontece de maneira preventiva por iniciativa da farmacêutica após a identificação de uma impureza decorrente do processo de fabricação do medicamento, ou seja, não se trata de uma partícula adicionada e que não se restringe somente ao Brasil.

"A ação acontece em consonância com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) após a verificação da presença de impurezas mutagênicas nos produtos, advindas do processo de fabricação. Uma impureza mutagênica pode aumentar o risco de câncer em longo prazo, porém o risco específico dessa impureza causar câncer em humanos atualmente não é conhecido", divulgou a empresa.

"A Sanofi Medley, mesmo com o risco desta substância em humanos ainda não ser conhecido, optou pelo recolhimento de todos os lotes com o potencial de conter esta substância, o qual foi aprovado pela ANVISA", informou a farmacêutica.

Com o anúncio da empresa, consumidores do remédio demostraram preocupação sobre os reais riscos do medicamento. Diante da repercussão, foi divulgado que o recolhimento afeta todos os lotes dos seguintes remédios:

  • losartana potássica 50 mg e 100 mg
  • losartana potássica + hidroclorotiazida 50 mg + 12,5 mg
  • losartana potássica + hidroclorotiazida 100 mg + 25 mg

Ainda segundo a empresa, este recolhimento é uma medida de precaução e, até o momento, não existem dados para sugerir que o produto que contém a impureza causou uma mudança na frequência ou natureza dos eventos adversos relacionados a cânceres, anomalias congênitas ou distúrbios de fertilidade.

Recolhimento do remédio

O recolhimento não apresenta nenhum custo para o paciente. Quem tiver um destes medicamentos deve ligar para o SAC da Medley 0800-703-0014 (segunda a sexta-feira, das 08h às 18h) para agendar a coleta da medicação.

Tratamento

O laboratório ainda alerta que a interrupção abrupta do tratamento com produtos contendo losartana pode estar associada a riscos potenciais para os pacientes e deve ser monitorada cuidadosamente por um médico. O risco para a saúde de descontinuar abruptamente estes medicamentos sem consultar os seus médicos ou sem um tratamento alternativo pode ser maior do que o risco potencial apresentado pela impureza em níveis baixos.

Assuntos Relacionados