Membro de facção é preso com arma de R$ 8 mil na Barra do Ceará

A arma de fogo era personalizada com uma imagem de uma caveira com uma faca na cabeça, e estava com 25 munições

10º Distrito Policial, delegacia do bairro Antônio Bezerra, em Fortaleza, no Ceará
Legenda: O caso foi levado para o 10º Distrito Policial (DP), no bairro Antônio Bezerra
Foto: Rafaela Duarte

Um homem apontado pela Polícia Militar como integrante de uma facção criminosa foi preso, na noite desta quinta-feira (16), no bairro Barra do Ceará, em Fortaleza. Na ofensiva, ele portava uma pistola avaliada em R$ 8 mil.

As informações iniciais, conforme militares do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) que estavam na ocorrência, era de que a equipe soube por moradores que dois homens estavam ostentando armas de fogo no calçadão da Vila do Mar e extorquindo comerciantes da região.

A informação sobre a extorsão, no entanto, não foi confirmada nos autos da prisão. O homem foi autuado por porte de arma de fogo e liberado após audiência de custódia para cumprir medidas cautelares. 

Personalizada

Ao chegarem ao endereço apontado pelos moradores, a composição localizou os dois suspeitos, que estavam a pé. Eles tentaram fugir. Logo após, os militares realizaram a abordagem e encontraram uma pistola calibre .380 com Francisco Alexandre Garcia da Silva, de 21 anos.

Os policiais relataram que a arma de fogo personalizada com uma imagem de uma caveira com uma faca na cabeça estava com 25 munições. Ela é avaliada em R$ 8 mil.

Tanto a pistola personalizada quanto as munições foram apreendidas, e Francisco Alexandre foi capturado e levado para o 10º Distrito Policial (DP), no bairro Antônio Bezerra.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança