Homem com deficiência física é morto a tiros no bairro Bom Jardim; grupo também matou mulher

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga os crimes.   

Legenda: Duplo homicídio ocorreu nesta manhã de segunda-feira no Bairro Bom Jardim
Foto: Paulo Sadat/SVM

Um grupo armado invadiu uma residência e matou a tiros Geraldo Cirino da Silva, 57 anos, na rua Tiago Pereira, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza, na manhã desta segunda-feira (27). Geraldo tinha deficiência física. Após o crime, os homens invadiram outra casa na mesma rua e executaram uma mulher ainda não identificada. Os filhos dela presenciaram o crime.

Segundo a polícia, o grupo formado por pelo menos seis homens chegou por volta das 5h atirando. A polícia investiga se as duas vítimas tinham envolvimento com crimes e acredita que as mortes tenham sido motivadas por brigas entre organizações criminosas.

A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) esteve no local do crime para fazer os primeiros levantamentos. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso. 

Você tem interesse em receber mais conteúdo de segurança?