Judiciário do Ceará tem primeiro oficial de Justiça morto por Covid-19

Marcos Antônio Freitas atuava na Comarca de Caridade e tinha quase 23 anos de carreira; Tribunal de Justiça do Ceará lamentou morte

Legenda: Marcos Antônio Freitas atuava na Comarca de Caridade e tinha quase 23 anos de carreira
Foto: Sindojus Ceará/Arquivo Pessoal

O oficial de Justiça Marcos Antônio Uchôa de Freitas, de 53 anos, morreu nesta terça-feira (11) em Fortaleza. De acordo com o Sindicato dos Oficiais de Justiça do Ceará (Sindojus-CE) ele é o primeiro oficial da ativa do Estado a morrer em decorrência da Covid-19.

Conforme o Sindojus, o oficial estava internado desde o dia 15 de julho por contrair o novo coronavírus e teve piora no estado de saúde após uma infecção hospitalar. Ele atuava na Comarca do município de Caridade e estava no Poder Jucidiário há quase 23 anos.

O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) lamentou, em nota, a morte do servidor. "Neste momento de dor, o Judiciário estadual se solidariza com toda a família", diz.

O Órgão informa que, em razão do quadro de pandemia que enfrenta o Estado, as cerimônias de velório e sepultamento estarão restritas aos familiares mais próximos.

Você tem interesse em receber mais conteúdo da cidade de Fortaleza?