Doses da vacina AstraZeneca que seriam para gestantes devem ir para outros grupos de comorbidade

Recomendação do Governo do Ceará consta em nota de alerta publicada pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa)

Legenda: Em Fortaleza, a vacinação das gestantes segue somente com a Pfizer
Foto: Thiago Gadelha

Com a suspensão da vacinação de gestantes e puérperas com a AstraZeneca/Oxford no Ceará,
conforme decisão do Ministério da Saúde (MS), as doses do imunizante deverão ser remanejadas aos demais grupos de comorbidades, de acordo com o cronograma de vacinação. É o que recomenda o Governo do Estado em nota de alerta emitida nesta sexta-feira (28) pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

O documento reforça que as todas as gestantes e puérperas, inclusive sem comorbidades, que já tenham recebido a primeira dose da AstraZeneca devem esperar 45 dias após o parto para tomar a segunda dose. Já aquelas que tenham recebido a primeira dose - a chamada D1 - da Sinovac/Butantan ou da Pfizer, que não contêm vetor viral, devem completar o esquema com a mesma vacina nos intervalos habituais.

A vacinação das gestantes e puérperas, ressalta a Sesa, deverá ser condicionada à prescrição médica após
avaliação individualizada de risco e benefício.

Alerta para sintomas adversos

Há também um alerta do MS, segundo o qual gestantes e puérperas que já se imunizaram com a AstraZeneca, devem procurar atendimento médico imediato, caso apresentem, nos 4 a 28 dias seguintes à vacinação, sintomas e sinais de: falta de ar, dor no peito, inchaço na perna, dor abdominal persistente, sintomas neurológicos, como dor de cabeça persistente e de forte intensidade ou visão borrada, pequenas manchas avermelhadas na pele, além do local em que foi aplicada a vacina.

Os trabalhadores da saúde são recomendando, portanto, a "ficar atentos para os sinais e sintomas da Síndrome de Trombose com Trombocitopenia - TTS e as recomendações de manejo adequado, conforme detalhado na Nota Técnica n.º 441 /2021 – CGPNI/DEIDT/SVS/MS", complementa a nota.

 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza