Ceará ultrapassa 30 mil casos de Covid-19; mortes somam 1.900

Dados são da plataforma IntegraSUS, atualizada às 17h38

Subiu para 30.560 o número de casos confirmados de Covid-19 no Ceará, um aumento de 2.982 nas últimas 24 horas. O registrado é da plataforma IntegraSUS, atualizada às 17h38 desta quarta-feira (20). Os óbitos alcançaram 1.900.

A letalidade da doença é de 6,2. A capital Fortaleza é o epicentro, com 18.010 infectados. Em seguida há Caucaia (1.047), na Região Metropolitana, e Sobral (838), cidade com mais registros no interior.

A Secretaria de Saúde (Sesa) informou também que são investigados 42.628 possíveis casos e 503 óbitos suspeitos. O número de exames aplicados é de 75.326.

> Ceará tem decreto de isolamento prorrogado até 31 de maio; Fortaleza segue em 'lockdown

> 73% das ocupações irregulares do Ceará estão a até 2km de unidades de saúde

> Excesso de exigências trava acesso a crédito emergencial para empresas 

O índice de recuperados é 16.431. A taxa de ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) está em 87,56% no Ceará, enquanto a de enfermeiras é de 86,07%.

Estado tem 2 mil policiais afastados por Covid-19

As polícias Civil e Militar, assim como outros setores da sociedade, são afetadas pela pandemia do novo coronavírus. Conforme dados da Associação dos Delegados de Polícia Civil do Ceará (Adepol) e da Polícia Militar do Ceará (PMCE), cerca de 2 mil policiais, entre civis e militares, estão afastados das funções por confirmação ou suspeita de Covid-19.

Apesar de não fornecer os números de policiais civis e militares afastados, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social garantiu, em nota, "que não há comprometimento na realização dos trabalhos de servidores do Sistema de Segurança Pública do Estado em consequência da pandemia do novo coronavírus (Covid-19)". 

Mortes por Covid-19 em Fortaleza

16,8% dos casos são de profissionais da saúde

No último boletim epidemiológico divulgado na segunda-feira (18) pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), o Ceará registrava 26.363 casos confirmados de Covid-19. 

Desse total, 4.453 são profissionais da saúde, incluindo técnicos ou auxiliares de enfermagem, enfermeiros, médicos, recepcionistas, fisioterapeutas e agentes de saúde, dentre outros, afetados pelo vírus.

A quantidade de trabalhadores que testaram positivo equivale a 16,8% dos pacientes contaminados no Estado. Dos 184 municípios, em 130 há confirmação de trabalhadores dos serviços de saúde infectados.

Nos casos extremos, pelo menos, 12 profissionais morreram de Covid-19 em quatro cidades distintas, segundo dados do IntegraSUS.