Rússia fabrica 17 mil doses de imunizante contra Covid-19 para animais

Este é o primeiro lote da Carnivac-Cov, registrada em março pelo país

Imagem de coronavírus
Legenda: Até o momento, não existem informações concretas de como o coronavírus pode afetar animais
Foto: Shutterstock

Cerca de 17 mil doses de uma vacina contra a Covid-19 para animais foram produzidas pela Rússia, segundo anunciou o regulador agrícola do país nesta sexta-feira (30). Segundo registro do imunizante feito em março, a Carnivac-Cov passou por testes que revelaram que ela pode criar anticorpos em cães, gatos, raposas e visons.

Até o momento, segundo a Reuters, a ideia é que o lote da vacina seja fornecido a várias regiões da Rússia. Porém, o próprio país já informou o interesse de outras nações no imunizante.

Proteção para animais

Anteriormente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) falou sobre os riscos de transmissão do vírus de humanos para animais. Ainda assim, mais estudos sobre o assunto devem ser conduzidos no futuro.

Conforme o regulador russo, a Carnivac-Cov pode proteger espécies mais vulneráveis, além de ser capaz de impedir mutações virais. A intenção é prosseguir com o registro do produto em outras localidades.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo