Chuvas destruíram estoques de medicamentos e vacinas em municípios da Bahia, diz Rui Costa

A situação pode impactar a campanha de imunização contra gripe e Covid-19 no Estado

Ruas alagadas após chuvas da Bahia, vistas de cima
Legenda: Bahia tem 72 municípios em situação de emergência
Foto: Governo da Bahia/Divulgação

Municípios baianos perderam o estoque de vacinas após alagamento em postos de saúde durante as fortes chuvas que atingem o Estado. Até essa terça-feira (28), a tragédia deixou pelo menos 20 mortos, mais de 350 feridos e milhares de pessoas desabrigadas. 

A situação pode impactar negativamente a campanha de imunização contra gripe e Covid-19 no Estado. Segundo o governador Rui Costa (PT), alguns locais perderam 100% do material armazenado. Dentre eles, o município de Jucuruçu. 

"Em alguns locais, 100% de todo o medicamento e de todas as vacinas foram perdidas, porque algumas secretarias municipais de saúde e os depósitos de medicamentos ficaram embaixo d’água completamente”, disse, em transmissão ao vivo, nesta terça-feira (28). 

"Ontem [segunda-feira], eu fui em Itororó e o térreo da prefeitura ficou completamente alagado, inclusive, um posto de saúde perdeu todas as vacinas. Nesse momento, é repor o mais rápido possível medicamentos, vacinas e material para a atenção médica", afirmou. 

Cuidados com outras doenças 

 

O governador Rui Costa disse que acompanha a situação e alertou sobre o risco de outras doenças através da água contaminada, como a leptospirose

"Nós temos um desastre natural, e temos duas pandemias [epidemias] acontecendo ao mesmo tempo: a pandemia do coronavírus, e esse vírus da gripe que tem assolado o País inteiro e também a Bahia", observou. 

"Por isso, é fundamental a atenção e a ação dos médicos. Eu não sou especialista, não sei os nomes de todas as endemias, mas algumas aparecem, como a doença provocada pelo xixi do rato, pelas fezes do rato, que nesse momento de enchente isso se dissemina na água", apontou.

 

Telegram
 

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o Telegram do DN e acompanhe o que está acontecendo no Brasil e no mundo com apenas um clique: https://t.me/diario_do_nordeste