Receita Federal alerta sobre sites falsos de leilões criados por golpistas para aplicar fraudes

As páginas que simular sites de leilões do órgão, geralmente, são registradas no exterior para dificultar o rastreamento, informou a Receita Federal

A Receita Federal está fazendo um alerta aos internautas que procuram produtos leiloados pelo Órgão. Sites falsos estão simulando o Sistema de Leilão Eletrônico (SLE), que é o oficial da Instituição. As páginas ilegais chegam a usar o logotipo da repartição e objetivam fazer vendas fraudulentas e roubar dados das vítimas

De acordo com a Receita Federal, os sites falsos chamam a atenção para supostas mercadorias apreendidas pelo Órgão. As páginas são, geralmente, registrados no exterior para dificultar o rastreamento e chegam a utilizar a identidade visual da Instituição. Uma delas, por exemplo, utiliza no endereço de rede apenas 'br', e não '.br', como forma de se passar por oficial. 

Conforme o Órgão, apenas os sites oficiais para leilões virtuais são: www.receita.fazenda.gov.br, www.rfb.gov.br ou www.receita.economia.gov.br, com a utilização de certificado digital. 

A Receita Federal Informou ainda que vem tomando uma série de medidas para coibir tais atitudes ilegais, como como a abertura de processos para anulação dos CNPJs utilizados pelos criminosos e a representação ao Ministério Público Federal (MPF) para abertura de ação criminal.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança

Assuntos Relacionados