Cavalo é agredido por carroceiro e abandonado amarrado em praça com ferimentos pelo corpo, em Iguatu

Testemunhas viram a agressão e quando o animal se soltou e bateu em veículos na rua, ficando com vários ferimentos

Legenda: Cavalo espancado e abandonado em praça de Iguatu
Foto: Foto: Wandenberg Belém

Um carroceiro é suspeito de espancar e abandonar um cavalo em Iguatu, na tarde desta quarta-feira (28). O animal foi encontrado por uma equipe do Departamento Municipal de Trânsito de Iguatu (Demutran) amarrado na Praça Caxias, com marcas de ferimentos e sangue pelo corpo, após denúncias de populares. O caso vai ser comunicado à polícia.

O órgão de trânsito recolheu a carroça que também foi deixada no local e solicitou o resgate do animal. O dono não foi localizado mas, segundo o órgão, foi identificado com ajuda de populares.

Legenda: Cavalo espancado e abandonado em praça de Iguatu
Foto: Foto: Wandenberg Belém

Conforme as testemunhas, o carroceiro espancou o animal que, ao reagir, conseguiu se soltar. O cavalo acabou batendo em veículos na rua, destruindo um banco da praça e ficando com vários ferimentos. 

O Demutran solicitou o atendimento de um veterinário para o cavalo e deve encaminhar o animal para o Centro de Zoonoses do município. 

Legenda: Cavalo espancado e abandonado em praça de Iguatu
Foto: Foto: Wandenberg Belém

O secretário do Meio Ambiente de Iguatu, Jocélio Viana, afirmou que o município aplicará uma multa contra o responsável pelo cavalo.  

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS) informou, por volta de 18h, que ainda não havia registro na Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) ou na Polícia Militar do Ceará (PMCE) acerca de caso. No entanto, confirmou que a Delegacia Regional de Iguatu tomou conhecimento do fato e deverá colher mais informações sobre a denúncia.

Burro fica pendurado em carroça

Outro caso que repercutiu nesta tera-feira (27) envolvendo um equino foi de um burro que ficou suspenso em uma carroça por causa do excesso de peso, em Juazeiro do Norte. Uma equipe do Batalhão de Polícia do Meio Ambiente (BPMA) de Juazeiro do Norte esteve no local. O proprietário do animal foi notificado. 

A Secretaria da Segurança e Defesa Social do Ceará (SSPDS) informou, em nota, que os carroceiros responsáveis pelo animal afirmaram aos policiais que o incidente se deu devido a um problema nos arreios da carroça e um aclive na calçada. 

De acordo com a SSPDS, o equino não apresentava sinal aparente de agressão, e os policiais militares orientaram os responsáveis sobre os cuidados que devem ter com os animais. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança