Moradores passam noite em centro comunitário de Massapê após água invadir casas

Na tarde de ontem (16), a situação se agravou e mais casas foram atingidas pelas chuvas na região Norte.

Legenda: Após chuvas, pelo menos 28 pessoas precisaram passar a noite de ontem para hoje (17) em um centro comunitário, em Massapê.
Foto: Foto: Mateus Fereira

Crianças, adultos e idosos precisaram passar a noite entre esta segunda-feira e hoje (17) no Centro Comunitário São João Batista, na cidade de Massapê, Norte do Estado, após terem as casas invadidas pela água que banhou a região. Na última semana, cerca de 16 famílias chegaram a deixar suas residências após o nível do Rio Contendas subir. No entanto, a situação voltou a se agravar na tarde desta segunda-feira (16).

Após as precipitações registradas nas últimas 48 horas, mais casas foram atingidas pelas chuvas. Diante do problema, os moradores foram novamente alocados no Centro Comunitário.

+ Chuvas nas regiões Norte e Ibiapaba provocam deslizamentos e desabamentos em cinco cidades

+ CE registra chuvas em todas as macrorregiões. Cariri concentra maiores acumulados do intervalo

“Tivemos que vir para o colégio porque não tinha como dormir em casa. Meu pai ainda ficou lá com medo de levarem as nossas coisas”, lembra a dona de casa Maria de Lima Nascimento. Ela, a mãe e os dois filhos foi um das famílias passou a noite no espaço. “Passei por isso em 2009. A gente tinha feito um calçadão, mas, mesmo assim não impediu a água”.

Também obrigada, pelas circunstâncias, a passar a noite no Centro, a aposentada Maria da Glória Rodrigues conta o medo de voltar para casa.

“Eu não quero mais voltar para lá, não. É a segunda vez que isso acontece. Viemos na sexta-feira (14) e ontem voltamos. Eu tenho medo de estar em casa e cair tudo”, lamenta a moradora. “Lá, o serviço de construção das casas é muito mal feito. À noite, até para dormir a gente tem medo”. 

Hoje (17), cerca de 22 pessoas tomaram café da manhã no centro comunitário. Já outros voltaram às residências para realizar a limpeza dos locais

Problema 

Os moradores de Massapê estão ameaçados, desde a semana passada, com a cheia do Rio Contendas. Segundo a Defesa Civil do Município, pelo menos 100 famílias vivem próximas ao leito do manancial. Para diminuir os impactos, a Assistência Social de Massapê garantiu que as famílias devem receber aluguéis sociais e cestas básicas.

Segundo a coordenadora municipal da Defesa Civil de Massapê, Juliana Ricardo, dessa vez, os locais mais afetados foram Alto da Boa Vista, Nanivão e, novamente, o Bandeira Branca. Bairros que, conforme Juliana, estão em área de risco. “Ontem tivemos outro problema com as chuvas. Já hoje, os níveis de água baixaram, mas a gente não sabe como vai ser ao longo do dia”, comenta.

“Em outros bairros, que já haviam sido impactos, a chuva também estava mais forte. Por isso, estamos monitorando a situação”, explica Juliana.

Chuvas

Até o último balanço da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a cidade registrou, entre às 7 horas de ontem e 7 horas de hoje (17), 32,4 milímetros de chuva. Para a amanhã (18), a previsão é que as chuvas se mantenham na Região Norte. Além disso, o Cariri, Sertão Central e Inhamuns, na Ibiapaba, também devem ter eventos. A tendência deve continuar na quinta-feira (19).