Em vídeo de "retratação", Camilo volta a tocar flauta; assista

Governador performou a música 'Asa Branca', de Luiz Gonzaga, e reconheceu que a primeira apresentação "não foi nada boa"

Camilo Santana tocando flauta
Legenda: Camilo Santana atribuiu má performance à falta de treino
Foto: Reprodução

Após viralizar nas redes sociais tocando flauta em um evento do Governo do Estado, na quinta-feira (21), o governador Camilo Santana (PT) publicou um vídeo com o instrumento musical reconhecendo que a "performance não foi nada boa". 

O chefe do Executivo estadual justificou que estava "destreinado", mas que, à noite, após o evento, voltou a praticar flauta com os filhos. "Agora vai", disse, já começando a soprar, em seguida, a música 'Asa Branca' de Luiz Gonzaga. 

"Muito bom quando as redes sociais, além de informar, servem também para divertir. E, jamais, para propagar o ódio e as fake news", compartilhou, com bom humor, o governador. 

"Viram? Viva a cultura nordestina e viva a cultura cearense", celebrou Camilo.

VEJA A NOVA PERFORMANCE DO GOVERNADOR:

Na apresentação no Centro de Eventos, Camilo deu uma palhinha na flauta após topar um desafio proposto pelo secretário da Cultura do Estado, Fabiano Piúba.

Sem ensaio e pedindo uma "ajudinha" do maestro presente no evento, arriscou-se e, mesmo com algumas desafinadas, recebeu aplausos do público presente.

As imagens da apresentação repercutiram nas redes sociais, gerando memes e muitos comentários.

REVEJA A PRIMEIRA PERFORMANCE DE CAMILO:

Entrega de instrumentos

A solenidade em que a apresentação aconteceu foi para entrega de instrumentos musicais a bandas do Estado, ação do programa “Toda Banda de Música é uma Escola”.

Ao todo, 2.760 equipamentos, entre instrumentos musicais e acessórios, foram entregues a 60 municípios. Cada kit, dessa vez, recebeu 46 itens. 

"A ideia é estimular a música em todos os municípios cearenses. O nome é bem sugestivo. Além da gente estimular e descobrir talentos, a música ajuda na formação, aprendizado, rendimento escolar", declarou Camilo.