Veja até quando a Covid-19 fica transmissível no organismo e outras dúvidas

A pessoas infectadas manterem-se isoladas por 10 a 14 dias desde o início dos sintomas

Transmissão coronavírus
Legenda: As pessoas infectadas podem transmitir o vírus dois dias antes de começarem a sentir os sintomas, dizem especialistas
Foto: Shutterstock

Com a disseminação elevada do novo coronavírus no País, muitas pessoas têm ficado, cada vez mais, em dúvida sobre o período de transmissão da Covid-19 no organismo. Segundo a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), esse tempo de propagação é variável, a depender da gravidade de cada caso.

Por isso, especialistas recomendam seguir as orientações médicas e manter um período de isolamento social adequado à circunstância. O Diário do Nordeste conversou com o médico infectologista Keny Colares, da Escola Pública de Saúde Paulo Marcelo Martins Rodrigues (ESP/CE) para tirar as principais dúvidas sobre a transmissão da doença, os sintomas e a melhor forma de prevenção.

Por quanto tempo posso transmitir a doença?

Em casos leves ou moderados da doença, as pessoas infectadas podem transmitir o vírus dois dias antes de começarem a sentir os sintomas e após dez dias do início deles, de acordo com Keny Colares.

Homem lava as mãos em pia de banheiro
Legenda: No início da pandemia da Covid-19, o consumo de água aumentou muito por conta das medidas de higiene mais rígidas, mas depois estabilizou, segundo especialistas ouvidos pela reportagem
Foto: Shutterstock

Qual o período de isolamento social recomendado às pessoas infectadas?

O médico Keny Colares detalha ainda que, se a pessoa estiver se sentindo bem e sem febre nas últimas 24 horas, ela pode sair do isolamento a partir do 10º dia de sintoma. No caso das manifestações mais graves da doença, que ocasionam internações, pede-se para a pessoa ficar isolada por 20 dias desde o início dos sintomas, porque a transmissão do vírus ocorre por mais tempo nesse cenário..

Posso transmitir o coronavírus mesmo não estando com sintomas?

Sim, o coronavírus pode ser transmitido por pessoas assintomáticas ou mesmo durante o período de incubação, de um a 14 dias antes de os sintomas iniciarem, segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Isso ocorre porquê o vírus começa a multiplicar-se no organismo, chegando facilmente às vias respiratórias, como o nariz e a boca.

Assim, ao conter carga viral suficiente no corpo, as pessoas infectadas passam a transmitir a doença por gotículas de saliva no ar, mesmo sem sentir os sinais.

Quais são os sintomas da Covid-19?

De acordo com o Ministério da Saúde, os infectados podem sentir tosse, febre, coriza, dor de garganta, dificuldade respiratória, perda de olfato (anosmia), alteração do paladar (ageusia), distúrbios gastrointestinais (náuseas/vômitos/diarreia), cansaço (astenia) e diminuição do apetite (hiporexia). No entanto, em diversas situações, esses sinais não se manifestam e as pessoas permanecem assintomáticas, o que não impede a transmissão do vírus.

O que devo fazer para evitar transmitir o vírus às pessoas que moram comigo?

O Ministério da Saúde recomenda que a pessoa infectada fique isolada em algum cômodo da casa, separando objetos como pratos, talheres, copos e toalhas para uso pessoal. É importante que ela mantenha, na medida do possível, o ambiente higienizado e ventilado.

Ao utilizar o banheiro, limpar o vaso e as demais superfícies com álcool, água sanitária ou algum outro produto para desinfecção de ambientes. Além disso, lavar bem as mãos com água e sabão. O lixo produzido nesse período deve ser separado e descartado.

Como posso me prevenir de pegar o novo coronavírus?

“Ficar afastado das pessoas, sair de casa o mínimo possível, evitar ambientes fechados com outras pessoas, fazer higiene das mãos e utilizar máscaras sempre que tiver fora de casa” são alguns dos métodos de prevenção citados pelo infectologista Keny Colares.

Álcool e máscaras
Legenda: Fazer higiene das mãos e utilizar máscaras sempre que tiver fora de casa são recomendações para evitar a transmissão

Se eu já peguei o coronavírus, estou imune a novas infecções?

Não. É possível que haja uma reinfecção, visto que há ainda novas variantes da doença presentes no país, conforme relatado pelo Ministério da Saúde. Por isso, os cuidados de prevenção à Covid-19 devem continuar sendo mantidos, visto que, além de se infectar de novo, a pessoa pode transmitir o vírus para outras.

 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza