Em 18 dias, Fortaleza registra 4 óbitos por Covid-19, segundo SMS

Atualmente, mortes pela doença "podem ser classificadas como um evento, relativamente, raro", afirma a Secretaria Municipal de Saúde da Capital

Escrito por Redação,

Metro
Cemitério
Legenda: Cenário atual guarda similaridades com o que foi observado em agosto de 2020, reflexo do fim de um ciclo epidêmico
Foto: Camila Lima

O boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) nesta sexta-feira (19) informa que Fortaleza registrou quatro mortes por Covid-19 nos primeiros 18 dias de novembro. Segundo o órgão, com essa quantidade, os óbitos podem ser classificados como "um evento, relativamente, raro".

Ainda conforme o boletim, nos últimos sete dias ocorreram dois óbitos na Capital (16 e 18 de novembro), com média móvel estimada de 0,3. 

'Reflexo do fim de um ciclo pandêmico'

A instituição comunicou que o cenário atual guarda similaridades com o que foi observado em agosto de 2020, reflexo do fim de um ciclo epidêmico.

Também de acordo com a SMS, agora, no entanto, a diminuição das fatalidades é potencializada pela vacinação de um grande contingente populacional.

Segundo a Coordenadoria de Vigilância em Saúde, uma queda consistente da média móvel de óbitos foi constatada desde o fim de abril de 2021. "As oscilações e platôs curtos sugerem dados acurados", explica.

Dose de reforço para população geral

Neste sábado (20), a capital cearense inicia aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19 na população geral.

O agendamento desse público, conforme a gestão municipal, ocorre em ordem decrescente de idade, e considerando a data de aplicação da segunda dose. Nas listas divulgadas para o fim de semana, há pessoas nascidas entre 1962 e 2003.